À boleia da ideia

Em lugares escondidos encontram-se ideias imprevistas

Sofia Pires Lopes

Se tivesse um cêntimo por cada ideia, como levaria todas as moedas para o banco? Com sorte, algumas serão boas e é a essas que peço boleia

A misteriosa pirâmide submersa

Atlântida: ilha mítica, descrita por Platão no diálogo Timeu, em 360 AC. Cidade tecnológica e mentalmente avançada para o seu tempo, habitada por pessoas extremamente inteligentes, cuja veracidade se desconhece. E se a lenda da cidade circular fosse realidade? Esta suposta pirâmide vem acordar antigas conjecturas e lançar novas dúvidas. (Com vídeo)


A descoberta não poderia ser mais entusiasmante: ao largo do arquipélago dos Açores parece haver uma pirâmide submersa que se assemelha às pirâmides egípcias, a mais antiga datando de 2560 AC. Encontrada por mero acaso por Diocleciano Silva através de leitura batimétrica, por GPS, enquanto procurava zonas de pesca naquele local, deparou-se com uma construção cujas arestas estão alinhadas com os pontos cardeais, como acontece com as pirâmides do Egipto.

atlantida_a_boleia_da_ideia.jpg

Comparemos estrututas: estima-se que a pirâmide de Gizé medisse, na altura da sua construção, 146,5 metros de altura e 230,4 metros quadrados de base; já a suposta construção recentemente descoberta mede cerca de 60 metros de altura e 8000 metros de área, a 40 metros de profundidade. A lenda ganha terreno: poderá ser esta uma das mais flagrantes provas de que realmente a ilha da Atlântida, situada sobre a Dorsal Oceânica, existiu e que se situaria ao largo das ilhas Terceira e S. Miguel, no arquipélago dos Açores?

A existência da ilha e o desaparecimento são, ainda hoje, tema de discussão e alvo das mais variadas teorias. Diz-se que os habitantes foram, a dada altura, castigados por Zeus, que não aprovava a sua crescente ganância e que teria destruído a ilha por meio de um terramoto. Os que conseguiram sobreviver terão chegado ao continente mais próximo e levado os seus conhecimentos ao resto do mundo, bem como a história da sua civilização.

Apesar de todo o sobressalto, o Departamento de Oceanografia e Pesca da Universidade dos Açores e o Instituto Hidrográfico não confirmam que esta seja uma prova da existência da Atlântida.


Sofia Pires Lopes

Se tivesse um cêntimo por cada ideia, como levaria todas as moedas para o banco? Com sorte, algumas serão boas e é a essas que peço boleia.
Saiba como escrever na obvious.
version 1/s/arquitetura// @destaque, @obvious //Sofia Pires Lopes