Christine Alencar

Melomaníaca, nordestina sem sotaque, aprendiz de escritora. Futura mochileira e talvez um dia, esposa do Marcos Ramos.

Então bom Natal e um ano novo também...


ganhe-uma-renda-extra-neste-fim-de-ano-38-346.jpg

Pois é, natal, ano novo, chegou aquela época do ano que geralmente deixa as pessoas naturalmente mais felizes. Por mais que muitas não liguem para o significado religioso do natal, e gostem da data apenas pelo fato de que ganharão presentes, farão viagens, reunirão a família (e comerão muito), não dá para negar a magia que o 25 de Dezembro traz. Todas as luzes, as decorações, os enfeites, tudo nos remete a uma ideia de alegria extrema, é como se sorrisos estivessem por todos os lados, te contagiando e te fazendo rir junto.

Esta é a época do ano em que você não se sente mal por sair da dieta, por extrapolar nas compras, e sempre é a desculpa perfeita para comprar roupas novas e presentear quem você ama, sem precisar dar explicações, afinal, É NATAL.

Sem contar que as duas últimas semanas do ano, são as que sempre te fazem refletir e reviver tudo o que aconteceu durante o ano, todos os bons e maus momentos, os erros e acertos, te fazem lembrar das pessoas que vieram e das que se foram, das oportunidades perdidas e dos sonhos realizados, e por mais que você tente escapar, todas essas memórias te atingirão como um míssil teleguiado. É o efeito da proximidade do ano novo.

É quando você se vê fazendo planos para o ano seguinte, quando você decide mudar tudo o que acredita que está errado na sua vida, é a época em que você se sente capaz de tudo, até de ser outra pessoa. Mesmo sabendo que a possibilidade de fazer tudo igual, é bem maior. Mas quem se importa?

O que seria do Natal sem toda essa alegria disseminada pelo vento, que te prepara para receber o ano novo com todas as suas promessas de renovação, mudanças e novas perspectivas? Não dá pra ser imune a isso tudo. E o que nos resta é aproveitar cada segundinho perto da família, dos amigos, brindando e aguardando que o ano novo atinja todas as expectativas criadas na virada, e nos faça riscar no próximo 31 de dezembro, todos os itens da nossa listinha de planos para o ano que se foi.


Christine Alencar

Melomaníaca, nordestina sem sotaque, aprendiz de escritora. Futura mochileira e talvez um dia, esposa do Marcos Ramos..
Saiba como escrever na obvious.
version 1/s/recortes// //Christine Alencar