amálgama improvisada

Aqui tem um pouco de tudo, mas não o tempo todo.

Bruno Leandro

Num certo natal, sua mãe lhe levou a uma loja de brinquedos e pediu que escolhesse o que quisesse. Depois de muito procurar, trocou um mini-game por um livro do Harry Potter! Acho que isso já define bastante coisa

BOYHOOD - Da infância à juventude

Boyhood é um filme sobre a vida e sobre como uma criança enfrenta diversos aspectos dela, dentre eles, o crescimento. Até aí não passaria de mais um filme sobre esta temática, que provavelmente passaria em branco, não fosse o seu tempo de filmagem extremamente longo; quiçá o filme que mais demorou para ser rodado em toda a história do cinema.


boyhood.jpg Fonte: Westsidetoday.com.

Boyhood segue a história de Mason (Ellar Coltrane), um garoto de seis anos que passa pelo difícil processo de separação dos pais (Ethan Hawke e Patricia Arquette). O filme segue o menino por 12 anos, desde a infância até à sua juventude com 18 anos. Durante esse processo conheceremos o seu amadurecimento e a forma como lidará com os diversos percalços que encontrará pelo caminho, bem como as experiências pelo qual todo jovem acaba passando mais cedo ou mais tarde. O detalhe aqui é que o filme realmente demorou 12 anos para ser rodado, na intenção de mostrar, de forma natural, o envelhecimento e a evolução não só dos atores, como também do mundo à sua volta. As filmagens se iniciaram em 2002, quando Ellar Coltrane de fato tinha seis anos e o seguiu, junto com todos os demais atores, por 39 dias de filmagem até que completasse 18 anos.

boyhood-1b.jpg Fonte: Movietalkies.com.

O filme, dirigido por Richard Linklater, foi aclamado pela crítica no Sundance Festival e já ganhou o Urso de Prata no festival de Berlim. A data de lançamento foi marcada para o dia 30 de Outubro no Brasil.


Bruno Leandro

Num certo natal, sua mãe lhe levou a uma loja de brinquedos e pediu que escolhesse o que quisesse. Depois de muito procurar, trocou um mini-game por um livro do Harry Potter! Acho que isso já define bastante coisa.
Saiba como escrever na obvious.

deixe o seu comentário

Os comentários a este artigo são da exclusiva responsabilidade dos seus autores e não veiculam a opinião do autor do artigo sobre as matérias em questão.

comments powered by Disqus
version 1/s/cinema// @destaque, @hplounge, @obvious, @obvioushp //Bruno Leandro