animus movendi

Relativizando o movimento e o referencial

LuhanaSP

Palavras libertam sentimentos - movimento contínuo

A graça da girafa

Girafa é a designação dada a mamíferos artiodátilos, ruminantes, do gênero Giraffa, da família dos girafídeos, no qual consta uma única espécie, a Giraffa camelopardalis. E, muito importante: girafas não possuem antenas. São chifres cobertos por pele.


Uma graciosidade atrapalhada que não se dobra aos padrões "tradicionais" de beleza. Livre tradução da singularidade do reino animal.

Sua aparência fez com que os romanos cogitassem a possibilidade de um cruzamento entre camelos e leopardos, pois assim as chamaram: camelo-leopardo.

girafa_1.jpg

Quem mais poderia ter um filhote que já nasce com dois metros de altura?

Dorme em pé, mas sempre está com uma cara descansada, sem sinais de torcicolo.

E com o cérebro bem afastado do coração (não podemos traçar um perfil passional), ela, a girafa.

girafa-2.jpg

girafa_3.jpg

girafa_5.jpg

A foto abaixo ganhou menção honrosa no prêmio ZSL 2014. A ZSL é entidade que gerencia o Zoológico de Londres, no Regent’s Park. O prêmio tem seis categorias para adultos e jovens. Para a categoria ‘Momento perfeito’ foi destaque esta imagem, feita por Graham Morrison. momento-perfeito por-graham-morrison.jpg (Foto: Graham Morrison/BBC)


LuhanaSP

Palavras libertam sentimentos - movimento contínuo.
Saiba como escrever na obvious.
version 2/s/fotografia// @destaque, @obvious //LuhanaSP