Ana Filipa Carvalho

Estudante de Belas-Artes apreciadora de todas as formas mágicas de Arte mas com um fraquinho enorme por música.

O Rock Sexual dos Led Zeppelin

Milhões de discos vendidos em todo o mundo, álbuns que ficaram para a história do Rock como grandes clássicos intemporais, e quatro músicos fora-de-série. Apresento-vos os Led Zepellin, provavelmente, a melhor banda Rock de todos os tempos.


Thumbnail image for Thumbnail image for led_zeppelin.jpg

Eles foram "a banda" dos anos 70. Com milhões de discos vendidos em todo o mundo, a maioria deles no top dos mais vendidos de sempre, este quatro "Heartbreakers" do Rock formaram uma das melhores bandas de rock de sempre. Continuam a influenciar músicos de toda a parte com os seus riffs quentes e orgasmicos e uma bateria desconcertante, tornando uma simples canção de amor em clássicos intemporais do Rock & Roll mundial. Fortemente influenciados pelos Blues dos anos 60, os Led Zeppelin cedo criaram uma linguagem própria no Hard Rock dos anos 70. Compostos por Robert Plant, na voz, o mítico vocalista de cabelos louros ondulados e voz sensual, cantava-nos ao ouvido as suas desilusões amorosas, as suas amarguras românticas como nenhum rockeiro até ai tinha feito. Jimmy Page (ex- Yardbirds, outra banda Blues-Rock de sucesso nos anos 60 era (e é) um virtuoso na guitarra, considerado por muitos, um dos melhores guitarristas de sempre. Ele arranha-nos a alma com os seus longos solos, riffs tão melódicos e sentidos que nos apetece aprender guitarra no momento seguinte. John Paul Jones, irrepreensível no baixo e por fim mas não menos importante, John Bonham, considerado um dos melhores bateristas de sempre. Os seus longos e precisos "breaks", a dinâmica com que os tocava são de qualidade de facto, muito acima da média. Imprimia uma autêntica sinfonia de diferentes ritmos na bateria só ao alcance dos predestinados.

Led-Zeppelin-Led-Zeppelin-I-1969.jpg

Formaram-se em 1968 em Londres, Inglaterra. O seu primeiro álbum " Led Zeppelin" foi lançado em 1969 e foi logo um tremendo sucesso, sendo considerado um dos melhores álbuns de sempre. De facto, juntamente com os Black Sabbath, os Led Zeppelin são frequentemente aclamados como os pioneiros do Hard Rock, apesar de terem apostado mais na fusão Blues-Rock desde o inicio. Seguiram-se Led Zeppelin II, com o famossissimo single " Whole Lotta Love", uma marco da história da banda. O sensual riff e os gemidos orgásmicos de Robert Plant fizeram desta canção um marco da história do rock suado. É frequentemente citada como uma das melhores canções de sempre e também a dos melhores riffs de guitarra de sempre.

396f50498aee.jpg

Led Zeppelin III surgiu em 1970 seguindo a trilha de sucesso dos anteriores assim como Led Zeppelin IV que é considerado dos mais vendidos da história da musica com 23 milhões de cópias vendidas em todo o mundo. Em 1973, lançam The House of The Holy, um trabalho mais experimental mas igualmente bem-sucedido, sendo a digressão deste disco uma das mais assistidas de sempre, marcando igualmente uma evolução técnica da banda, mais vincada para o progressivo nos seus espetáculos. Physical Graffiti surge logo em 1975, pessoalmente, na minha opinião, um dos melhores discos dos Led Zeppelin contendo o famoso clássico "Kashmir", uma das melhores canções dos Zeppelin. A música curiosamente fala de uma região conflituosa na parte mais ao norte do sub-continente indiano, Kashmir. Plant encontrava-se no deserto do Sahara, em 1973 quando escreveu essa obra-de arte sendo implícito o toque arábico nos riffs "Pageanos".

jimmy-page-guitarist.jpg

Por essa altura a banda já se encontrava no Olimpo dos deuses Rockeiros, com digressões esgotadas, concertos irrepreensíveis ao vivo, um virtuosismo inabalável dos seus membros, tornando a banda única. Todos os seus elementos eram os melhores nos seus respetivos instrumentos. A melhor banda de rock do mundo como eram aclamados. As suas excentricidades também eram evidentes, fosse na forma de vestir, fosse nos bastidores dos concertos sendo famosas as excursões de grupies á volta do grupo e o abuso de drogas. Lançam o álbum Presence em 1976 e posteriormente em 1979 " In Through Out the Door ", o ultimo álbum de originais dos Led Zeppelin. Uma onda claramente diferente do Blues-Rock que marcou o inicio da banda, mais virada para a mistura de vários estilos musicais. No entanto,a banda acabaria tragicamente em 1980, com a morte do baterista John Bonham.Depois de se separarem, lançaram ainda um álbum de musicas não editadas chamado Coda, sendo oficialmente o ultimo álbum dos Led Zeppelin.

lzfacts-1-led-zeppelin-590x350.jpg

Após vários anos de aparições esporádicas, a banda reuniu-se em 2007 em Londres para um concerto e para anunciarem o lançamento da coletânea Mothership, com todos os êxitos desta banda extraordinária.Em 1995, entram para o Rock & Roll Hall of Fame dos Estados Unidos da América ganhando uma estrela no eterno firmamento musical americano e no Music Hall of Fame do Reino Unido em 2004.Para a história fica uma banda mítica, para muitos considerada a melhor banda de Rock de sempre (eu incluo-me nesses opinion makers). A banda foi uma influência importantíssima para bandas desde os próprios Black Sabbath aos Deep Purple, Queen, Tool, Dream Theater, passando pelos Ramones e os The Cult e acabando nos Smashing Pumpkins, Nirvana e Pearl Jam por exemplo, só citando alguns. Definitivamente são um marco de referência no Rock & Roll para qualquer geração prosseguindo a sua influência em bandas também mais recentes como os Wolfmother.

cover_437726112010.jpg

Passados tantos anos, muitos serão os saudosistas que ainda deliram ao som de " Baby I´m Gonna Leave you" , "Since I´ve Been Loving You", "Dazed and Confused" , " The Immigrant Song", " Rock and Roll", "Stairway to Heaven"....são várias as obras-primas musicais destes quatro Rockeiros históricos. O seu legado é riquíssimo. Desde verdadeiros clássicos do rock, a mestres de guitarra e bateria para estudantes de musica como exemplo de uma energia e magnetismo sexuais ímpares, eles foram os "dinossauros do Rock". Nunca o amor foi tratado de modo tão musicalmente sexual ou as viagens rockeiras dos Zeppelin de tão intensas nos levarem ao êxtase do prazer auditivo. Nunca o lema " Sex, Drugs and Rock and roll" fez tanto sentido.

robert plant jimmy page Led Zeppelin NEW YORK CITY, 1975.jpg


Ana Filipa Carvalho

Estudante de Belas-Artes apreciadora de todas as formas mágicas de Arte mas com um fraquinho enorme por música..
Saiba como escrever na obvious.
version 6/s/musica// @obvious //Ana Filipa Carvalho