armazen

- depósito de signos: palavrimagem, som

Angelo Noel

Aqui tem alguma coisa do que a criação humana é capaz em
Texto, Imagem e Som.

Tudos.

Megapuss: nus diante do público.

Apaixonados, psicodélicos e em harmonia celestial.
Isso faz o som do Megapuss.


megapuss-photo011.jpg Devendra, Fabrizio e Greg Rogove.

Ah! O Megapuss.

Nome estranho de banda brisada de Los Angeles:

Devendra Banhart criou e chamou, Rodrigo Amarante, o cara estranho dos Los Hermanos, Fabrizio Moretti, baterista do Strokes & cia.

Não conhece?

Então: Folk rock psicodélico com um hippie anarquista que manda o governo, o presidente, e a polícia tomarem in their assholes. Depois mandam a si mesmos: Devendro e Redrogo.

Surge também no disco Surfing (2008) umas letras meio surrealistas sobre estereotiparem eles como pessoas que são patos, mas na verdade o grupo cruza pontes (talvez sonoras), igualmente, acreditam no poder da Vitamina C(?).

Megapuss+cover.jpg Devendra inventou a banda pra ter mais liberdade diante o público. Conseguiu.

Tem uma coisa também de homenagem à Hollywood como se o ouvinte ficasse de espectador e de carona com o conjunto, numa caminhada pelo distrito, tarde fresca e descontraída.

A primeira faixa leva cornetas singelas, entra uma musiquinha lenta dizendo no refrão que "todo o meu amor é pra você", acalmante e com um título nonsense como um fragmento de limerick, "Idiota que acredita em círculos desenhados em plantações do ano de 1994":

Só ouvindo pra ver. E essa sinestesia acontece mesmo. Vá sentir que é garantido.

No momento, estas palavras são embaladas pelo som etéreo e inebriante da banda .

Ahhhhhh! O Megapuss...


Angelo Noel

Aqui tem alguma coisa do que a criação humana é capaz em Texto, Imagem e Som. Tudos. .
Saiba como escrever na obvious.
version 1/s/geral// //Angelo Noel