artefacto artefoto

O olhar perplexo de um Poeta diante da Vida

João Carlos Figueiredo

Um escritor e uma câmera: palavras ilustradas pela vivência cotidiana, cenários explicados pela expressão da alma... Artefacto servindo ao poeta: arte e foto num sincretismo que se entrelaça nas relações deste escritor com o mundo que o rodeia e perverte...

Meta-linguagem

O Jequitibá do Parque Estadual Vassununga, em Santa Rita do Passa Quatro, tem 3.000 anos de idade; depois de testemunhar três mil anos da História do Homem, agora está ameaçado de morte pelo próprio homem, que aos poucos rouba da Natureza suas fontes de subsistência...


Jequitibá.jpg Metáfora das metáforas: A essência poética É uma vivência hermética! Busca, o Poeta, ocultar, em suas palavras, O sentido da sua própria expressão.

Em cada figura, uma armadilha Ao leitor desatento: "Não me lerás assim, tão facilmente! Decifra-me e, ainda assim, te enganarei!"

Não há segredo mais guardado Que a Alma do Poeta! Ele não tem compromissos… Nem Razão!

Busca, na rima, na contradição, Distrair, do leitor, a atenção. E, nos melindres de sua paixão, Despistar sua própria emoção.

Sofre, com as Palavras! Não somente com a Alma… Devora-lhe o temor De ser, um dia, desvendado Pela interpretação, desmascarado, Exposto à crítica, Ao mais vulgar entendimento, Qual um texto banal…

Assim, fugindo à lógica, Persegue, em tortuosos labirintos, Encontrar sua própria, absurda E única Verdade!


João Carlos Figueiredo

Um escritor e uma câmera: palavras ilustradas pela vivência cotidiana, cenários explicados pela expressão da alma... Artefacto servindo ao poeta: arte e foto num sincretismo que se entrelaça nas relações deste escritor com o mundo que o rodeia e perverte....
Saiba como escrever na obvious.
version 1/s/Poesia// //João Carlos Figueiredo