artefacto artefoto

O olhar perplexo de um Poeta diante da Vida

João Carlos Figueiredo

Um escritor e uma câmera: palavras ilustradas pela vivência cotidiana, cenários explicados pela expressão da alma... Artefacto servindo ao poeta: arte e foto num sincretismo que se entrelaça nas relações deste escritor com o mundo que o rodeia e perverte...

A Era da Insensatez

Em tempos de retrocesso é preciso preservar os valores e princípios da sociedade, bem como investir na juventude, para que, ao término da ignorância, haja talentos que possam restaurar a dignidade de nosso povo.


6591EC17-F31F-4F26-B8A3-E7B48BD8EE68.jpeg

Depois dos cinco primeiros meses de insensatez e imbecilidade, já não é mais possível ter esperança de que esse governo e seus asseclas no Congresso sejam capazes de preservar a Nação Brasileira, com suas riquezas naturais e resgatar a dignidade de nosso povo, conduzido como gado a caminho do matadouro, e salvar as instituições democráticas da lavagem cerebral praticada por esses energúmenos. Dentre as poucas áreas do governo que ainda funcionam razoavelmente, poderíamos mencionar, com ressalvas, a Economia e a Justiça.

Dentro de pouco mais de três anos e meio, seguindo essa lógica depravada, o que se salvará dessa orgia de retardados? E essa “moral evangélica”, até onde irá assaltar os lares brasileiros, roubando-nos a espontaneidade e a liberdade de pensamento? E essa juventude estuprada por ideias fascistas, conduzida por uma “Escola sem Partidos”, alijada de mentes brilhantes como a de Paulo Freire, censurada por ideias medievais que não toleram a Filosofia nem a Sociologia, disciplinas inúteis para um governo totalitário e militarista?

O processo de “Revolução Cultural” tupiniquim já começou, e os ministérios da educação e do meio ambiente (ditos assim, com letras minúsculas), em breve já terão arrasado com as mentes dos jovens e com as maiores e mais diversificadas florestas do mundo, deixando para trás um deserto intelectual e uma vastidão de latifúndios de soja e gado, com a monotonia dos quadros modernos e a vulgaridade das mentes imbecis. Mentes e florestas não se recuperam jamais... poderá haver até uma nova floresta nesses vazios de monoculturas; poderá até surgir uma nova geração de mentes brilhantes, quando nossos filhos e netos saírem de cena... mas nada resgatará a população brasileira submissa e burra que votou nessa quadrilha de malfeitores, mentalmente subnutrida de pensamentos!

O verde-oliva das novas escolas militares de primeiro e segundo graus, o verde-amarelo das bandeiras violentadas por milícias de operadores de internet, através de suas redes sociais corrompidas por ambição pelo poder e pela avareza de falsos líderes, terão manchado as verdadeiras belezas do azul celestial e das multicoloridas florestas, que ainda hoje estão presentes no solo do país... em lugar de florestas, latifúndios improdutivos, em lugar de rios, lagos, aquíferos subterrâneos e chuvas torrenciais, a vastidão de campos pálidos e estéreis... em lugar da fauna riquíssima dessas florestas, o silêncio da vida inexistente, e o ruído insuportável das máquinas agrícolas que também substituíram os lavradores...

Quem já assistiu Mad Max e Avatar saberá compreender o significado de um mundo vazio, desprovido de belezas naturais, de paisagens paradisíacas, de aves e mamíferos povoando os parques nacionais preservados que ainda sobrevivem à violência dos fazendeiros, dos madeireiros, dos mineradores, dos pistoleiros contratados para surrupiar terras indígenas e unidades de conservação, e entregar para os latifundiários... mas a mãe natureza é sábia, porém poderia ser perversa, como nos exemplos citados, extinguindo a vida, em todo seu esplendor, e substituindo os campos do agronegócio por vazios dessa “civilização”!

Poucos anos! Apenas quatro! Mas suficientes para acabar com a Nação Brasileira! Infelizmente, não dá para voltar atrás, desfazer o erro cometido por escolhas infelizes, trazer de volta a Democracia, a liberdade de expressão e de pensamento, escolher novos governantes e novos parlamentares! Não, isso não é possível! O que nos resta? Resistência? Mas estamos ficando velhos, deixando para trás uma sociedade contaminada pelo ódio e pela ambição do poder... PODER ACIMA DE TUDO! BRASIL ABAIXO DAS BOTAS DOS MILITARES! E O BOLSONARO, IMBECIL, TRESLOUCADO PELO PODER E ASSESSORADO POR TRÊS BESTAS DO APOCALIPSE, DENOMINADOS DE #01, #02 E #03!

SE NÃO FOSSE ATEU, EU DIRIA: “DEUS NOS AJUDE”!


João Carlos Figueiredo

Um escritor e uma câmera: palavras ilustradas pela vivência cotidiana, cenários explicados pela expressão da alma... Artefacto servindo ao poeta: arte e foto num sincretismo que se entrelaça nas relações deste escritor com o mundo que o rodeia e perverte....
Saiba como escrever na obvious.
version 1/s/Política// @obvious, @obvioushp //João Carlos Figueiredo