arxvis

dentro do momento

arxvis

artista plástica
e transpirante poeta

mais sofreguidão na fogueira!

camaradas, chegou a hora da devolução! o mundo nunca mais será o mesmo: as dores aumentarão; os sonhos, então, tornar-se-ão mais longínquos, alienados e ermos. o indivíduo será menor, mais sovina, muito menos nós, e as massas - essas serão mais e imperdoáveis e toscas e cegas, suas mães e mãos implacáveis, cem mil bocas comendo um só osso, uma força sem igual ou fronteiras. queimaremos todos no fogo dessa nossa mais nova paixão


obvious191.jpg

deitei, me deleitei (fiz a fama, etc), sei lá estava assim seguindo o que passa sem distinção ou receio 'que agora tudo me basta!' eu lá no meio da farsa

sim, vamos brincar enquanto formos crianças vamos brincar de bandido e polícia, de caça e preguiça de esperança e desprezo, com ou sem medo antes que tudo se torne doença e nhén-nhén (que é tudo teatro pro estado, meu bem)


arxvis

artista plástica e transpirante poeta.
Saiba como escrever na obvious.
version 1/s/recortes// //arxvis