arxvis

dentro do momento

arxvis

artista plástica
e transpirante poeta

não dizer que chove

1


1_2013newsface0001s.jpg

dentro desse tempo irreparável onde os encontros caem mantos sobre as copas das árvores que restaram, assim nesse silêncio foi que o vi - eu primeiro, ele depois, ou foi ele então? não faz mal. mas ainda é um momento, mesmo que já não faça mais mal ou bem: o ainda possível contato que nos pôs os dois juntos em outra direção.

depois eu disse: "vem comer comigo, tem aquela esquina.."

ele: "sem fome ou pressa, essa parte da cidade me fascina." eu: "também sou arte."

"sim, musa, sua imagem tenho já fixada."

ele ri, eu rio. eu rio, ele mar. ele mar, eu porto. mas não parto, e parto nenhum, só um aborto, expontâneo. onde andará agora que vou contar nossa história dos felizes? sua imagem também está fixada, mas o papel de parede desbotou, o rosa e as rosas.

ando nostálgica. que bom que o tempo irreparável tudo cura.


arxvis

artista plástica e transpirante poeta.
Saiba como escrever na obvious.
version 2/s/recortes// //arxvis