borboleta carnívora

Quando o inesperado surpreende

Kauana Maria Neves

20 anos, canhota, discente de Antropologia.

O dia que acordei com Bukowski


charles-bukowski-842x1185.jpg Acordei. Lá estava ele, prostrado entre minhas pernas, com dois dedos na minha vagina. Velho, resmunguei. - Você não acha isso lindo? Dois dedos na ausência do pau. – Disse ele evasivo. Não me explicou, e nem quis mais entender, tudo rodava, lembrei das garrafas de gim, presente do meu pai, gim. Com gelo, melhor. Levantei, levantou, sem preocupação não lavou as mãos, acendeu um cigarro, foi até o parapeito da janela, virou-se, mandou eu soltar o cabelo e ver que horas eram. 14:42. Disse que tinha que ir, buscar a máquina de escrever no conserto. Perguntei onde estava minha bicicleta, no andar de baixo, respondeu, enquanto saltava para a rua através da minha janela, do oitavo andar. É preciso imaginar Sísifo feliz, disse eu em voz alta lembrando de Camus.


Kauana Maria Neves

20 anos, canhota, discente de Antropologia..
Saiba como escrever na obvious.
version 1/s/contos// //Kauana Maria Neves