break on through

Cinema e outras coisas

Carol Gavioli

Acredita que o mundo mais legal existe na cabeça de cada um.

Ladrilhando pelo Brasil

Arquiteta brasileira Marina Cezar coleciona imagens de ladrilhos hidráulicos em projeto fotográfico para registrar cores, variedades e cada marca de sofisticação cheia da história do país.


CAM00289.jpg

Com certeza você já se deparou com muitos ladrilhos hidráulicos por aí, e nem se deu conta de que o lugar onde você pisou estava cheio de histórias e carregado de técnicas artesanais.

Um ladrilho hidráulico é uma revestimento artesanal à base de cimento, produzida artesanalmente de acordo com moldes, o que possibilita uma combinação infinita de cores, desenhos e formas. É usado para revestir pisos e também paredes, e que tem o grande diferencial de uma camada de cerca de 5mm de desenho.

Muito utilizado no século XIX na decoração de mansões da nobreza, esse quadradinho de cores chegou ao Brasil por volta de 1920, época da imigração italiana, e ainda hoje pode ser encontrado em diversas edificações.

Ao passar a dar um pouco mais de atenção para o chão onde pisa, a arquiteta Marina Cezar começou a registrar imagens dos ladrilhos que encontrou por aí, em viagens, trabalhos, ou mesmo em lugares do cotidiano e desde de 2013 coleciona a imagem de cada lugar, fotografando seus pés em cada ladrilho. Em pouco mais de um ano, ela já conta com um acervo de 200 imagens de diversos modelos e lugares!

10533538_10204296128914126_745290800_n (1).jpg

brauhaus.jpg

casa d italia.jpg

DSC04846.JPG

esp santo 1282 (1).JPG

esp santo 1282 (3).JPG

esp santo 1282 (4).JPG

funalfa.jpg

hotel centenario.jpg

IMG_9151.JPG

Para quem quiser saber mais sobre ladrilhos, o pessoal da FAU-USP produziu um documentário sobre o tema.


Carol Gavioli

Acredita que o mundo mais legal existe na cabeça de cada um..
Saiba como escrever na obvious.

deixe o seu comentário

Os comentários a este artigo são da exclusiva responsabilidade dos seus autores e não veiculam a opinião do autor do artigo sobre as matérias em questão.

comments powered by Disqus
version 1/s/arquitetura// @destaque, @obvious //Carol Gavioli