cadê o futuro

Não tenha pressa, logo, logo chega.

Valter Geronimo Camilo Junior

Co-fundador e idealizador do Puta Letra. Graduando em Direito. Redator freelancer. Sempre incisivo.

As meninas se tornam mulheres antes dos meninos se tornarem homens

Sei que vai chover mimimi de homens dizendo que estou errado, que não existe esse negócio de que as mulheres amadurecem primeiro. Mas é a mais pura verdade.


tumblr_niwlv31bGo1t3lr1vo2_1280.jpg

Sabe porque isso acontece? Por que elas precisam. Tudo começa na infância, com os primeiros brinquedos, os primeiros conselhos dos pais e o machismo embutido nisso tudo.

Meninas brincam de boneca, meninos brincam de carrinho. Meninas devem se preocupar com a roupa e ter modos na hora de sentar, ao passo que meninos podem usar qualquer coisa e sentar com as pernas abertas – para meninas isso é feio!

Nada disso é mentira. Talvez você tenha crescido em uma família moderna, que possibilita que tanto meninos quanto meninas façam suas próprias escolhas. Se for o caso, você é uma grande exceção. Então não venha dizer que estou errado, tomando como ponto de partida o seu caso de sucesso.

Ótimo se você é homem e sabe cozinhar e divide a louça suja com a irmã. Não faz mais do que a sua obrigação.

Mulheres recebem responsabilidades muito cedo e são alienadas a serem boas donas de casa. São preparadas para serem mães! Essa maturidade é facilmente percebida quando estamos diante de homens e mulheres de mesma idade. E, para que fique claro, estou falando da regra, existem exceções.

Idade não define maturidade, mas mulheres geralmente se desenvolvem primeiro – inclusive biologicamente. Boa parte do movimento feminista argumenta no sentido de que essa ideia só serve para legitimar a sexualização da infância, além de incutir nas mulheres o pensamento de que é normal o homem demorar mais para criar responsabilidades. Há muita verdade nisso.

Para além de aceitar que as mulheres amadurecem mais cedo, em razão de uma série de imposições sociais, é necessário refletir sobre as razões, as raízes desse fenômeno. Fazer com que a exceção se torne regra. Que meninos e meninas se desenvolvam de forma livre - e que possam, inclusive, escolher se querem ser meninos ou meninas.


Valter Geronimo Camilo Junior

Co-fundador e idealizador do Puta Letra. Graduando em Direito. Redator freelancer. Sempre incisivo..
Saiba como escrever na obvious.
version 1/s/recortes// //Valter Geronimo Camilo Junior