dadaísta

um blog sobre arte e desordem

Cátia Andressa da Silva

Fala muitos palavrões, os amigos dizem que é indecente, mas também a chamam de feminista, de nerd, dizem que é inteligente e essas coisas todas e tal… Estudou história e ciências sociais e já fez cursos de culinária e maquiagem de circo. Trabalha blogando e com o que chamam por aí de Social Media. Rouba canetas e coleciona afetos.

Meu corpo, meus direitos!

Uma mulher foi proibida de usar contraceptivo porque não teve permissão do seu marido. Um homem foi assediado pela polícia por ser gay. A uma adolescente estuprada foi negado o aborto porque é ilegal em seu país. Uma campanha de Hikaru Cho, fotografada por Jim Marks para a Anistia Internacional diz: seu corpo, seus direitos.


O artista japonês Hikaru Cho criou uma série de imagens de arte corporal exclusivamente para a nova campanha da Anistia Internacional: My Body My Rights . Hikaru Cho e a Anistia criaram quatro vídeos sobre o tema dos direitos sexuais e reprodutivos das pessoas. Cada um deles é sobre o direito humano básico de tomar as próprias decisões sobre saúde, corpo e vida sexual.

Ear_fist_V2-u.jpg

Back_V2-u.jpg

Você tem o direito de conhecer, aprender e tomar suas próprias decisões sobre o seu corpo, saúde sexual e relacionamentos.

Key_Retouch_half_body_V2-u.jpg

DSCF6308-u.jpg

Você tem o direito de escolher se e quando você terá filhos. Você é livre para decidir o número e a oportunidade de todos eles, caso os deseje. Você é livre para ter uma vida sexual ativa. Ou não.

187950_My_Body_My_Rights_MBMR_-u.jpg

Você tem o direito de escolher o seu parceiro. Isso inclui o seu direito de determinar sua própria identidade, orientação sexual e gênero, independente do sexo que lhe foi atribuído no momento do nascimento.

187948_My_Body_My_Rights_MBMR_-u.jpg

Você tem o direito de viver livre de estupro e violência sexual. Você tem o direito de se envolver em relações sexuais consensuais e de viver livre de estupro e outras formas de violênca baseada em gênero. Isso inclui uma gravidez forçada, a esterilização, o aborto, a mutilação genital feminina e o casamento forçado.

"Optamos por trabalhar com Hikaru porque todos nós amamos sua abordagem única de arte. Muitas das imagens são deliberadamente deixadas em aberto para interpretação - que queríamos evitar ser demasiado literal e incentivar o debate entre as pessoas", disse Madhu Malhotra, Diretor de Gênero da Anistia Internacional.

As imagens são impressionantes. Todas as artes foram pintadas em corpos reais por Hikaru Cho para a campanha. A ideia do artista foi representar os direitos humanos negados a milhares de pessoas em todo o mundo. Seu estilo é hiperreal. O trabalho ficou incrível.


Cátia Andressa da Silva

Fala muitos palavrões, os amigos dizem que é indecente, mas também a chamam de feminista, de nerd, dizem que é inteligente e essas coisas todas e tal… Estudou história e ciências sociais e já fez cursos de culinária e maquiagem de circo. Trabalha blogando e com o que chamam por aí de Social Media. Rouba canetas e coleciona afetos..
Saiba como escrever na obvious.
version 3/s/fotografia// @obvious, @obvioushp //Cátia Andressa da Silva