descortinada

Os olhos do moço bonito me avistaram daqui

Maria Gabriela Verediano

Libriana com ascendente em sagitário, Maria é das Letras. Ora Maria bonita, ora Maria Madalena. Dramática e cinematográfica, às vezes, acredita que o enredo da sua vida saiu de uma novela mexicana.

Sobre tempestades anunciadas

Tempestade é sinônimo de que algo precisa mudar urgentemente na sua vida, é preciso trocar de pele, migrar para um lugar a salvo do tenebroso inverno.


365_027.jpg Pico do Itabira, localizado no município de Cachoeiro de Itapemirim, sul do Espírito Santo.

Quando eu era criança, em dias de chuva, eu gostava de subir em cima do muro do quintal da casa da minha mãe para esperar a tempestade chegar. Eu via vindo lá bem longe por de trás do Itabira uma cortina de pingos e vento. Coisa mais bonita era a força que sacudia todas as árvores e o matagal antes da "grande tempestade'' chegar. Parecia uma índia cantando com a natureza de pés descalços e me sentia a grande regedora dos ventos. A mãe dizia que a chuva punha resfriado na gente, mas eu sempre fui obstinada e não tinha medo de nada.

Hoje exibo algumas cicatrizes espalhadas pelo corpo causadas pela coragem ingênua de quem achava que sempre iria se recuperar rápido de qualquer lesão. A cada ano que passa, demora um pouco mais para cicatrizar qualquer coisa, mas eu ainda não perdi o hábito de sentir o cheiro da chuva antes dela chegar.

A vida continua como um grande vale no qual eu observo aquela cortina fina regar a terra. Resta agora saber se estou pronta a cada novo dia de tempestade. Nós nunca saberemos quando estaremos prontos até a primeira gota de chuva cair no chão. Até a grande dança do tempo acabar e termos a certeza de que estamos a salvo. A beleza da mãe natureza que antes fazia só bagunçar o cabelo, resolveu bagunçar também a vida. E então, comecei temer o prenúncio dos grandes ventos.

Nunca soube o que ficaria e o que seria levado pelas águas. Nunca tive a certeza se aquelas manias tão bem domesticadas ao longo desse tempo seriam levadas de mim ou não. Tempestade é sinônimo de que algo precisa mudar urgentemente na sua vida, é preciso trocar de pele, migrar para um lugar a salvo do tenebroso inverno. Basta você se sentir confortável com o seu habitat e será preciso que você migre de novo. E de novo. E de novo.

Nada te garante que o novo é para melhor. A única certeza que temos é que o próximo degrau é um pouco mais alto, mais difícil de subir e será necessário deixar pesos antes tão necessários para trás. Acho que é isso que faz meu corpo estremecer quando os novos ventos se anunciam. É tempo de fazer escolhas e deixar algumas coisas pelo caminho.

"Nasce o sol e põe-se o sol, e volta ao seu lugar onde nasceu. O vento vai para o sul e faz seu giro para o norte. Continuamente vai girando o vento e volta a fazer os seus circuitos. Uma geração vai, outra geração vem, porém a terra para sempre permanece." Érico Veríssimo


Maria Gabriela Verediano

Libriana com ascendente em sagitário, Maria é das Letras. Ora Maria bonita, ora Maria Madalena. Dramática e cinematográfica, às vezes, acredita que o enredo da sua vida saiu de uma novela mexicana..
Saiba como escrever na obvious.
version 1/s/recortes// @obvious //Maria Gabriela Verediano
Site Meter