di sainha

livros, música, cinema, paisagens e relacionamentos.

Mari Rivas

Publicitária, aspirante a fashionista, prefiro ser chamada de “admiradora investigativa” do que “stalker profissional”. Email: [email protected]

O que te faz se sentir bem?

Você sabe?


572d05f535a9651fb24b95e707b36fd1.jpg

“Pássaros voando alto, você sabe como eu me sinto. O Sol no céu, você sabe como eu me sinto. A brisa passando...”. Para Nina Simone na eternizada “Feeling Good”, a suavidade e a simplicidade da natureza a faziam se sentir bem.

A todo momento da vida novas capacidades irrompem e fazem de nós pessoas um pouquinho diferentes a cada dia. Novas descobertas, novo emprego, novos amigos, novos lugares... Essas são circunstâncias gerais, mas e aqueles momentinhos pequenos e únicos que nos confortam e nos dão aquela procurada sensação de tranquilidade?

Chegar em casa e tirar a calça jeans. O primeiro café do dia. A primeira mordida quando se está com fome. Receber aquela ligação tão esperada. Um abraço quando se está triste. Um pôr do sol quando se quer ficar sozinho. O sorriso daquele alguém especial. Ler aquele livro ou assistir aquele filme que você ficou séculos esperando por ele. Rir de coisa boba. Rir sozinha. Rolar de rir com um amigo. Apenas rir. Aquele gole de cerveja num dia quente. A lua cheia no céu. Um reconhecimento no seu trabalho. Uma conquista. Um cheiro que lembra a infância. Aquele olhar cheio de amor de um cachorro. Escutar aquela música certa no momento certo. Cantar alto. Cantar no banho. Um banho quente num dia frio. Tomar chuva num dia quente. Se enrolar em cobertores movediços no inverno. Dormir. Dormir na praia com a brisa batendo no rosto. O som das ondas. Quando você finalmente lê uma noticia boa no jornal. Sentir aquele cheirinho de um bom vinho antes de dar um gole. Ficar de bobeira, sem fazer nada. Bom humor.

Esses são só alguns exemplos de como é difícil valorizarmos cada segundinho em que nos sentimos bem. Na vida somos todos naturalmente preocupados e roteirizados, não faz parte do nosso dia-a-dia apreciar. Apreciar, observar, elogiar, sentir.

E você? O que te faz se sentir bem?


Mari Rivas

Publicitária, aspirante a fashionista, prefiro ser chamada de “admiradora investigativa” do que “stalker profissional”. Email: [email protected]
Saiba como escrever na obvious.
version 4/s/// //Mari Rivas