entre artes

Um olhar diferente sobre o mundo das Artes

Karlos Junior

..Desde criança é natural do Rio de Janeiro, músico que pode ser visto por aí portando uma flauta, também é desenhista canhoto e blogueiro que gosta de Ciência, Ficção-Científica, Cinema, Quadrinhos e tenta praticar algum esporte enquanto corre atrás de ganhar a vida pela Internet.

Trilha das Estrelas por Meire Ruiz

Em Trilha das Estrelas, a fotógrafa e astrônoma amadora Meire Ruiz compartilha o fascínio que tem pelas maravilhas do Universo, registrando o caminho que as estrelas percorrem durante a noite.


StarTrails MeireRuiz.jpg

A ótima imagem acima do movimento, trilha ou dança das estrelas (como sua veia poética melhor lhe aprouver) é resultado da aguçada e curiosa mente da fotógrafa e astrônoma amadora Meire Ruiz, que registrou os céu noturno de Itanhaém, no litoral de São Paulo.

Esta produção, embora fascine pela beleza artística, não é exatamente um prodígio de esforço artístico, mas sim o resultado da aplicação de conhecimento de astronomia e engenhosidade humana, ou a Ciência em prol da criatividade. É um tipo de registro até corriqueiro entre os entendidos da área, bastando o uso de uma câmera razoável para a captura das imagens, paciência e determinação, além de conhecimento básico essencial sobre astronomia.

A terra gira, como todo mundo sabe. Em torno do Sol e em torno de si mesma, em três movimentos distintos a saber: Rotação, translação e precessão. Do nosso ponto de vista, é comum a percepção de que o universo gira ao nosso redor posto que não sentimos o movimento do planeta, mas hoje sabemos que não somos o centro do universo, pois aprendemos a entender melhor a natureza do mesmo sentados nos ombros de gigantes do passado, parafraseando sir Isaac Newton. Como as estrelas se movimentam 15 graus no céu a cada hora que passa (lembrem-se que o Sol também é uma estrela), apontando a câmera para o céu e deixando que ela registre o movimento das estrelas com o passar do tempo você consegue esse fantástico efeito. Na verdade, o movimento que é registrado é o da Terra, embora isso não queira dizer que as estrelas também não estejam em movimento.

A maioria das pessoas está acostumada a pensar em fotos com o clássico hábito de fazer uma pose, em seguida um clarão (flash) e voilá! Imagem registrada. A ação é, geralmente, muito rápida. Entretanto, é possível tirar uma foto com a chamada "velocidade do click" bem devagar de forma que a câmera consiga registrar tudo que acontece entre o tempo que a lente está aberta até o click em si. O obturador fica aberto por mais tempo no que chamam de longa exposição e o resultado apresenta imagens cheias de movimentos como estamos acostumados a ver em arte, propaganda e videoclips.

motion-photography.jpg

motion-in-photography.jpg

Não pretendo aqui fazer uma grande explicação sobre os princípios da fotografia, posto que não sou da área, mas para quem quiser aprofundar seus conhecimentos a recomendação sempre é a busca por profissionais da área.

Para Trilha das Estrelas, Meire usou 100 fotos com 15 segundos de exposição sem intervalos entre elas, fazendo depois o empilhamento delas com o auxílio de um software específico. E o resultado merece ser apreciado.

StarTrails MeireRuiz.jpg

1-Startrails.jpg

1-Startrails-002.jpg

Meire Ruiz é declaradamente uma entusiasta apaixonada pela arte da Fotografia, e alia isto ao fascínio que tem, em suas próprias palavras, de "compreender nosso lindo planeta e as maravilhas do universo". Seu trabalho certamente é um bem vindo estímulo para despertar em nós o mesmo maravilhamento e a vontade de conhecer mais o Universo que nos rodeia e do qual fazemos parte.

Meire Ruiz Site Oficial - Astrofotografias

Fonte: G1


Karlos Junior

..Desde criança é natural do Rio de Janeiro, músico que pode ser visto por aí portando uma flauta, também é desenhista canhoto e blogueiro que gosta de Ciência, Ficção-Científica, Cinema, Quadrinhos e tenta praticar algum esporte enquanto corre atrás de ganhar a vida pela Internet..
Saiba como escrever na obvious.
version 1/s/Fotografia// @destaque, @obvious //Karlos Junior