Rafaela Werdan

Pare tudo que tiver que fazer às 17:30 e observe por 30 min o cair da noite

"Monumento Mínimo", de Néle Azevedo

Neste instante mais um homem mínimo se esvai das obras de Néle Azevedo. Sua essência escorre por escadarias, praças e monumentos históricos por onde passa. A obra se esvai até chegar a terra e ser absorvida por ela novamente ou até chegar ao céu, em vapor. Essa é a tocante arte de Néle Azevedo que remete tanto a nós mesmos.



nele.jpg

Néle é uma artista plástica brasileira, nascida em Minas Gerais, em 1950. Vive em São Paulo há mais de 20 anos, e decidiu apresentar suas esculturas em gelo como tema e objeto da tese de mestrado, na UNESP. A artista tinha como objetivo apresentar uma leitura crítica dos monumentos das cidades contemporâneas, mudando os personagens a serem lembrados neles.

Seu maior objetivo é, colocar no local de destaque das cidades a memória do homem comum e celebrá-lo no lugar de heróis ou autoridades conhecidas.

brasilia-congresso127.jpg

Sua primeira intervenção urbana ocorreu em 2001, com somente um homenzinho sendo colocado em pontos históricos.

sao-paulo-2002-viaduto-sta-ifigenia-0500161.jpg

A partir de 2005, Néle opta por concentrar um grande número de esculturas em um só local, causando a sensação de um grande monumento coletivo a desaparecer. Sua obra foi exposta em várias cidades do Brasil e do mundo como: São Paulo, na Praça da Sé (marco zero da cidade); em junho de 2005 em Paris, nas escadarias do L´Opera e na Mairie du 9émè; em 15 de junho de 2006, na cidade de Braunschweig, Alemanha, dentre outras cidades.

Minimum-Monument-Belfast-Out-2012-Néle-Azevedo394--620x441.jpg

SPUI-Amsterdam-photo-Néle-Azevedo-april-15201236-620x464.jpg

maxresdefault.jpg

A obra de Néle é tão expressiva aos meus olhos, pelo fato de não ser completa em si mesma. È uma obra que se constrói por quem está observando e agregando as próprias emoções e significados a ela. A obra não tem cor nem peso significativos. Não é composta por traços perfeitamente delineados. "Monumento Mínimo", expressa mais do que qualquer outra obra que eu tenha visto sobre como o tempo é inviolável e está nos absorvendo agora mesmo. Que diante dessa passagem não importa se você é rei, herói ou um (a) grande guerreiro (a), suas horas estão contadas e você é tão maravilhosamente comum como as quatro estações do ano da terra. Sentir-se incrivelmente privilegiado por ter um corpo que se desfaz é o que nos conecta com a obra de Néle Azevedo.

icemen9.jpg

in-front-of-Spui-Amsterdam-April-15-2012-photo-Néle-Azevedo66-620x379.jpg

Minimum-monument-Gendarmenmarkt-Berlin-photo-Nele-Azevedo.-Sept.20091-620x465.jpg

640x480.jpeg

Site da artista


Rafaela Werdan

Pare tudo que tiver que fazer às 17:30 e observe por 30 min o cair da noite.
Saiba como escrever na obvious.
version 6/s/artes e ideias// @destaque, @hplounge, @obvious, @obvioushp //Rafaela Werdan