Rafaela Werdan

Pare tudo que tiver que fazer às 17:30 e observe por 30 min o cair da noite

Fantásticas descobertas e invenções feitas por mulheres que você não faz ideia

Este artigo irá lhe surpreender e acabar com qualquer preconceito que você tenha sobre criações vinculadas a gênero.


curiosidades-sobre-hedy-lamarr-atriz-do-primeiro-orgasmo-no-cinema-e-mae-da-telefonia1.jpgNa foto a cientista e atriz Hedy Lamarr

Durante anos ouvimos sempre as mesmas histórias de conquistas, de descobertas científicas, de teses filosóficas, dentre outros saberes, sempre vinculados aos homens. Apesar de sofrerem durante milhares de anos o impedimento do acesso aos saberes científicos ou a qualquer outro, centenas de mulheres conseguiram vencer essa barreira e contribuir com incríveis descobertas e criações para a humanidade. Infelizmente, seus nomes não são lembrados na escola básica ou na universidade de maneira abrangente e com a ênfase que deveria. Na verdade, ainda hoje suas descobertas tendem a ser abafadas a todo o custo pela cultura vigente.

No entanto, como o mundo está mudando, e vivemos um lindo momento de debates sobre gêneros e sobre papéis, fiz uma lista das mulheres mais importantes que contribuíram ativamente para melhorar o mundo. E ressalto que, toda a ausência do nome delas em nossas vidas foi por cunho cultural passíveis de mudança. Segue as contribuições:

1- O Algoritmo de computador

Ada Lovelace, foi incentivada por sua mãe cientista desde nova para se tornar uma super campeã da matemática. Lovelace trabalhou na Universidade de Londres, em um “motor analítico” (o computador antigo timey) e na sequência desenvolveu uma maneira para programar a máquina com algoritmos matemáticos, se tornando o primeiro ser humano a programar. Para quem não sabe muito sobre algoritmos, ele é a linguagem para que as ações que ocorrem dentro dos computadores aconteçam, ou seja, sem essa descoberta, não existiria o computador.

algoritmo-computador-código-Ada-Lovelace.jpg

2- O Rock and Roll

Sister Rosetta Tharpe é uma guitarrista de rock em todos os sentidos possíveis dessa nomenclatura – e das melhores; mais pungentes e cheias de atitude. O agravante, no entanto, é que sua música se tornou popular nos EUA nos anos 1940 – quase 20 anos antes do surgimento oficial do Rock.

Estava tudo lá: a atitude, profundidade na voz e na interpretação, o ritmo sincopado, veloz e dançante, a mistura de estilos, os solos estalados, a sonoridade de guitarra, os riffs e até os instrumentos propriamente, em modelos mais rock n’ roll impossíveis. retirado de hypeness

2.jpg

3- O Moderno Refrigerador Elétrico (Geladeira)

Florence Parpart inventou a geladeira elétrica moderna em 1914. Em 1900, Parpart também recebeu uma patente por uma máquina de limpeza de ruas muito eficiente, que ela comercializava e vendia para as cidades em toda a América, porque era incrivelmente eficiente.

refrigerador-eletrico-Florence-Parpart-540x357.jpg

7-invencoes-de-mulheres-que-mudaram-o-mundo54-2-thumb-570.jpg.pagespeed.ce.CerCfRHAzg.jpg 4- Limpadores de para-brisa

Se os limpadores de para-brisa não existissem, seria um grande problema dirigir com tempo ruim. Por sorte, em 1903, Mary Anderson criou esse item para os carros. No entanto, quando ele foi implantado nos veículos, os motoristas acreditavam ser mais seguro dirigir em baixo de chuva e neve, com o vidro embaçado, ao invés de operar o para-brisa, que era manual. Foi então que outra mulher entrou em cena, em 1917 Charlotte Bridgwood criou a versão automática do utensílio, facilitando o seu uso.

parabrisa.jpg

limpador-parabrisas-Mary-Anderson.jpg

5- Serra circular

No século XIX Tabitha Babbitt percebeu que as serras retas, usadas por lenhadores e madeireiros para cortar madeira não era a melhor opção. Foi então, que em 1813, ela decidiu criar um protótipo de serra circular, que era girada por um mecanismo manual. No entanto, a sua ideia não foi vista como significante o suficiente para registro de patente, por isso, ela não ganhou um centavo pela criação.

circular-.jpg

6- Descoberta do formato helicoidal do DNA

Rosalind Franklin (1920 - 1958) - Biofísica britânica que foi pioneira em pesquisas de biologia molecular. Ficou conhecida por seu trabalho sobre a difração dos Raios-X e descobriu o formato helicoidal do DNA.

1.jpg

DNA-1.jpg

7- A Fibra Kevlar e o colete Aprova de Balas

A química Stephanie Kwolek, inventou a fibra Kevlar super-forte, usada para fazer coletes à prova de balas. A invenção de Kwolek é cinco vezes mais forte que o aço, e também tem cerca de 200 outros usos. A química trabalhava originalmente na criação de um material mais leve para pneus de carro, quando descobriu a fibra Kevlar, hoje ela é utilizada até para revestir alguns smartphones.

colete-prova-balas-Stephanie-Kwolek.jpg

fibra.jpg

8- A Seringa

Graças as maravilhas da medicina moderna, em 1899, Letitia Geer, inventou uma seringa médica que podia ser operada com apenas uma das mãos. Lembre-se dela na próxima vez que o seu médico for injetá-lo com apenas uma das mãos.

Seringa-Letitia-Geer.jpg

9- O Bote Salva-vidas

Um dia, em 1882, Maria Beasely olhou para o mar e disse: “As pessoas não devem morrer em grandes desastres nos navios no mar". E então, ela inventou os botes salva-vidas. Beasely, também inventou uma máquina para fazer barris, o que a fez realmente ficar muito rica.

bote-salva-vidas-Maria-Beasely.jpg 10- A Cerveja

Aposto que por essa você não esperava, mas sim! A cerveja foi uma criação feminina. De acordo com a historiadora Jane Peyton, por milhares de anos a fabricação de cerveja era de domínio exclusivo das mulheres.

Há cerca de 7.000 anos, na Mesopotâmia e na Suméria, as mulheres eram as únicas a ter permissão para fabricar a bebida ou ter tabernas, já que a cerveja era considerada um presente de uma deusa. Por isso, as mulheres são consideradas as criadoras da cerveja. mulher-bebendo.jpg

11-O Sutiã

Usando dois lenços de seda e uma fita, no ano de 1913, Mary Phelp Jacob, inventou o sutiã, ao perceber que os espartilhos, única peça debaixo superior das mulheres da época, eram meio desconfortáveis. Mary, melhorou a comodidade na vida de várias mulheres!

_mg_8386_4.jpg

12- Hidrômetro (medidor de água)

Hypatia de Alexandria, uma das figuras mais respeitadas em segmentos como a matemática, astronomia e filosofia, inventou o hidrômetro, por volta do ano 400 D.C, sendo um instrumento que mensura o volume de água e que até os dias atuais ainda é utilizado.

hypatia-hidrometro.jpg

HIDRÔMETRO.jpg

13- Lava-Louças

No ano de 1886, a milionária socialite norte americana Josephine Cochran, cansada de ao realizar seus luxuosos jantares e de ter que deixar as criadas se preocupando bastante tempo com a higienização das louças e talhes, acabou inventando a lavadora automática de louças.

3.jpg 14- Cama dobrável

Sarah E. Goode, foi a primeira mulher negra a obter uma patente nos Estados Unidos, em 1885. Dona de uma loja de móveis, ela inventou a cama dobrável, ideal para as casas pequenas das pessoas com as quais ela convivia na época. Durante o dia, a cama ficava fechada e servia como escrivaninha, e à noite poderia ser aberta e usada como cama.

4.jpg

15- Filtro de café

Nascida na cidade de Dresden, na Alemanha, Melitta Bentz criou o primeiro filtro de café, já que coadores de pano, feitos de linho, eram bastante difíceis de serem limpos. Após fazer diversos experimentos, Amalie usou um papel filtrante colocado dentro de um recipiente de latão, que tinha um furo na parte inferior. Com o café feito mais rápido e sem resíduos do pó, a alemã foi a primeira a produzir o filtro de papel em série, obtendo a patente da invenção em junho de 1908.

01-filtrocafe_1.jpg

16- Fraldas Descartáveis

Nascida em Fort Wayne, Indiana, em 1917, Marion Donovan passou a maior parte de sua infância na fábrica dirigida por seu pai e tio, dois inventores.

Anos mais tarde, frustrada com a ingrata tarefa repetitiva de trocar fraldas de pano sujas de seu filho, ela decidiu criar uma capa de tecido para manter seu bebê seco. Então, sentou-se à máquina de costura com uma cortina de chuveiro e, depois de várias tentativas, ela completou uma capa de tecido impermeável. Ao contrário das calças de borracha do bebê que já estavam no mercado, o design de Donovan não causava assaduras e não beliscava a pele da criança. E logo depois a famosa inventora aperfeiçoou sua invenção, recebendo sua patente em 1951, vendendo os direitos para Keko Corporation.

Seu próximo projeto era uma fralda totalmente descartável, para o qual ela teve que formar um tipo especial de papel que era forte, absorvente, mas também permitia que a água ficasse longe da pele do bebê. Donovan levou o produto acabado para cada grande fabricante no país, mas ela não encontrou nenhum comprador. Porém, quase uma década depois, em 1961, Victor Mills a chamou para saber de sua nova invenção e acabaram criando a Pampers e com certeza a gratidão de todos os pais em todo o mundo.

interesting_2012031609381435.jpg

17- Programas de computador (o primeiro software da história)

Graça Murray Hopper, almirante da Marinha dos Estados Unidos, na década de 50, criou o que se chama de compilador, uma grande ferramenta que traduzia os comandos do inglês em código de informática. Com isso, se tornou possível criar códigos de forma mais simples, com menos erros. Mais tarde, em 1959, ela também inventou a COBOL, a primeira linguagem de programação universal e única desde então.

7-invencoes-de-mulheres-que-mudaram-o-mundo56-5-thumb-570.jpg

18- Aquecedor solar

O primeiro aquecedor solar foi criado pela húngara, Dra. Maria Telkes, ela projetou a primeira casa com esse tipo de aquecimento. Ela se mudou para os Estados Unidos em 1925 para trabalhar no Massachussetts Institute of Technology (MIT), na área de pesquisa em energia solar.

telks-aquecedor.jpg

19- Micro computador ou computador doméstico

Mary Allen Wilkes, foi uma formanda em Filosofia do Wellesley College, que entrou para a história da computação. Ela trabalhava no MIT e escrevia o sistema operacional de LINC, o primeiro micro-computador. Algum tempo depois de LINC, ela constrói o seu próprio PC em casa e torna-se a primeira usuária de um computador doméstico da história, em 1965.

Screen-Shot-2014-10-09-at-14.36.02.png

20- Banco imobiliário

Além do campo científico, as mulheres também deram uma grande contribuição para os jogos de tabuleiro. O banco imobiliário, originalmente conhecido como “Monopoly”, foi criado por Elizabeth Magie, em 1906.

A princípio, o jogo não foi criado como passa-tempo, mas sim para ilustrar uma teoria econômica que rebatia a desigualdade da distribuição de terras.

Com o jogo, Magie conseguia demonstrar como uma pessoa conseguia ter muitas posses e outras tinham que se esforçar muito para conseguir alguma coisa.

Elizabeth batizou o jogo de “The Landlord’s Game”, e o vendeu para a Parker Brothers por apenas 500 dólares, sem direito a royalties.

game-banco-imobiliario.jpg

21- Sacos de papel com fundo retangular

No ano de 1871, Margaret Knight elaborou uma nova dobradura do fundo dos sacos de papel, que antes disso eram considerados extremamente frágeis e de fundo semelhante aos envelopes das cartas. Margaret, com sua engenhosa ideia, ajudou inclusive a a aumentar a capacidade de transporte desses sacos de papel.

Sacos-de-papel-Kraft.jpg

22- Escadas de incêndio

A cidade de New York é conhecida por suas escadas de incêndio no exterior dos prédios. Essas escadas foram patenteadas por Anna Connelly, em 1897. Alguns anos depois, em 1900, essas escadas se tornaram obrigatórias em muitos prédios construídos nos Estados Unidos, por causa dos altos índices de incêndio.

escada-incendio.jpg

23- Orelhão Publico

Nascida em Shangai e naturalizada brasileira, Chu Ming Silveira desenvolveu o primeiro orelhão público que foi instalado em São Paulo na década de 70. Sua invenção fez tanto sucesso que menos de 2 anos depois, os orelhões foram implantados nas vias públicas de Sampa e da Cidade Maravilhosa também.

wp_20130505_008.jpg

24- O Transportador Snugli para bebê

Como enfermeira do Corpo de Paz durante na década de 1960, no Tongo, na África Ocidental, Ann Moore, viu mães africanas fazerem algo que ela achou muito interessante: elas carregavam seus bebês em slings, tecido amarrados firmemente em suas costas. Moore, gostava da proximidade entre os bebês e suas mães. E observou como os bebês pareciam calmos, porque eles se sentiam seguros perto de suas mães.

Quando Moore voltou para casa, nos Estados Unidos, e decidiu ter seu filho, ela quis carregar seu bebê da mesma maneira. Depois de sua filha Mandela nascer, Moore tentou segurar o bebé nas costas, assim como ela tinha visto na África, mas a criança continuava escorregando. A partir de uma mochila simples, Moore e sua mãe projetaram um transportador semelhante, utilizado pelas mulheres no Tongo. Juntas, elas criaram um transportador macio e original, para bebês, o Snugli. Depois, também criaram outros tipos de transportes especializados em bebês.

carregador-bebes-Ann-Moore.jpg

25- Tecnologia de transmissão sem fio (rede Wi-Fi e GPS)

Hedy Lamarr, inventou um sistema de comunicações secretas durante a Segunda Guerra Mundial, para torpedos controlados por rádio, empregando “salto de frequência”. A tecnologia de Hedy Lamarr foi base para outras tecnologias, desde Wi-Fi à GPS. Ela também passou a ser uma estrela de cinema mundialmente famosa.

transmissor-wireless-sem-fio-Hedy-Lamarr.jpg

26- A Máquina de Fazer Sorvete

Nancy Johnson inventou a máquina de fazer sorvetes em 1843, patenteando um design que ainda é usado nos dias atuais. Só temos de agradecer!

maquina-sorvete-Nancy-Johnson.jpg

27- Primeiros remédios contra AIDS, Leucemia e Herpes

A americana Gertrude Bell Elion, criou medicações para suavizar sintomas de doenças como Aids, leucemia e herpes, usando métodos inovadores de pesquisa – seus remédios matavam ou inibiam a produção de patógenos, sem causar danos às células contaminadas. Ganhou o prêmio Nobel de medicina em 1988.

7-invencoes-de-mulheres-que-mudaram-o-mundo57-7-thumb-570.jpg

28- Invenção do Geobond (material de construção indestrutível)

Imagine um material de construção que é indestrutível, à prova de fogo e não-tóxico. Soa como algo que você encontraria em uma obra de ficção científica, mas na verdade é muito real. A invenção chamada Geobond, foi projetada pela escultora Patricia Billings, enquanto procurava criar um aditivo de cimento para impedir que suas esculturas quebrassem. Depois de anos de experimentação, ela finalmente alcançou seu objetivo, na década de 1970, de fazer um emplastro indestrutível. Logo depois, ela descobriu que o material também era surpreendentemente resistente ao calor, o que abriu a porta para outras aplicações do seu produto. Porque não sendo tóxico, bem como à prova de fogo, foi a primeira substituição viável do mundo para o amianto. Enquanto Patricia Billings, já tinha duas patentes do seu trabalho, ela continuava a manter a receita exata do Geobond, em segredo. A inventora e bisavó espera ver a sua invenção revolucionar a indústria da construção.

5a9cc9_1b5f2f823dcd422690b81c00bb4af6ee.png

29- O Aquecimento Central

Toda vez que você se sentir grato por não precisar correr ao redor de sua casa no inverno, para acender a lareira individual de cada cômodo, agradeça a Alice Parker, que inventou o sistema de gás-powered-aquecimento central-, em 1919. Foi a primeira vez que um inventor utilizou o gás natural para aquecer uma casa própria, e inspirando os sistemas de aquecimento central do futuro.

aquecedor-central-Alice-Parker.jpg

30- Vidro invisível (lentes de câmeras, óculos, microscópios)

Você consegue imaginar como seria a sua vida sem o vidro invisível? Ele está presente nas lentes de câmeras, óculos, microscópios, etc. O vidro transparente foi criado por Katharine Blodgett, que foi nada menos do que a primeira mulher cientista da General Electric. Em 1935, ela conseguiu transferir finas camadas de moléculas do vidro de um formato para outro, dessa maneira, impedindo que fossem causadas distorções.

elisab-vidroinvisvel.jpg

31- O Circuito Fechado de Televisão “CCTV”

O sistema de Marie Van Brittan Brown para a segurança, foi o circuito fechado de televisão, patenteado em 1969. O circuito destinava-se a ajudar as pessoas a garantir a sua própria segurança, pois a polícia era lenta ao responder os pedidos de ajuda, em sua vizinhança, de New York City. Sua invenção é a base para sistemas de CCTV modernos, usados para segurança em casa e no trabalho da polícia atualmente.

06-cctv.jpg

32- Cecília Helena Payne – a mulher que descobriu que o Universo é feito hidrogênio

Em 1925, quando os astrônomos pensavam que o Universo era feito de elementos pesados (carbono, oxigênio, azoto/nitrogênio, etc), uma estudante de doutoramento de 25 anos chamada Cecília H. Payne, escreveu uma tese de doutoramento (não foram ideias soltas, sem evidências e sem avaliação pelos especialistas, em sites pseudo) onde defendia que o Sol, todas as estrelas, e o Universo em geral era feito maioritariamente de hidrogénio.

A sua tese foi avaliada pelo júri respectivo de astrônomos da altura e foi aprovada, mas o astrônomo mais famoso desta área, Henry Norris Russell, rejeitou as investigações de Payne. No entanto, através de um método diferente de Payne, somente 4 anos depois ele chegou às mesmas conclusões de Payne. Como excelente cientista, em face das evidências, ele deitou fora as suas crenças e opiniões, e aceitou as evidências. Para os cientistas, as evidências, os fatos, estão sempre acima de opiniões pessoais. Russell é muitas vezes creditado por esta descoberta, mas por várias vezes ele rejeitou esse crédito, dando o crédito devido a Payne inclusive no seu artigo científico de 1929 ao anunciar as suas conclusões. O nome de Payne deveria estar ao lado de nomes como Galileu, Newton e Einstein. Infelizmente, o sistema patriarcal da ciência tende a esquecer o nome das grandes mulheres da ciência (isto tem um efeito nefasto na educação das crianças do sexo feminino, que ficam a pensar que “ciência não é para mulheres”).

Atualmente, todos os livros mencionam que o elemento mais abundante no Universo é o Hidrogênio. Mas, poucos sabem como se chegou a esta conclusão ou sequer quem foi esta grande mulher cientista a consegui-lo.

Cecilia_Helena_Payne_Gaposchkin_(1900-1979)_(3).jpg

33- A maior entendedora de chimpanzés do mundo

Jane Goodall, estudou a vida social e familiar dos chimpanzés (Pan troglodytes) em Gombe, Tanzânia, ao longo de 40 anos. Os seus estudos contribuíram para o avanço dos conhecimentos sobre a aprendizagem social, o raciocínio e a cultura dos chimpanzés selvagens.

É mensageira da paz das Nações Unidas, fundou o Jane Goodall Institute e é afiliada ao grupo defensor dos animais Humane Society of the United States. O seu trabalho é reconhecido e já foi homenageada em muitas ocasiões com honrarias acadêmicas diversas e inúmeros prêmios científicos.

Goodall.jpg

34- Marissa Mayer- criadora do G-mail, Google imagens, Google notícias

Marissa Mayer é a primeira engenharia contratada pelo Google. Ela é a responsável pela clássica página de busca e pelo modo como os usuários interagem com o Gmail, Google Notícias e Google Imagens. Atualmente, ela é conhecida por ser a toda-poderosa chefe do Yahoo.

marissa-mayer-forbes.jpg

35- A internet fica mais rápida (1985)

Radia Perlman, uma das poucas alunas do MIT, é contratada na Digital Equipment Corp. Ela desenvolve o algoritmo por trás do Spanning Tree Protocol (também conhecido como STP), uma inovação que permite a Internet como ela existe atualmente. O protocolo cria alguns pontos de tráfego que geram uma vasta rede de informações. Por causa desse avanço, ela ganhou o apelido de “mãe da Internet” — um título que ela rejeita.

lead_large.jpg

36- A descoberta da radioatividade (e o prolongamento da vida como consequência)

As conquistas de Marie incluem a teoria da radioatividade (termo que ela mesma cunhou), técnicas para isolar isótopos radioativos e a descoberta de dois elementos, o polônio e o rádio. Sob a direção dela foram conduzidos os primeiros estudos sobre o tratamento de neoplasmas com o uso de isótopos radioativos. A cientista fundou os Institutos Curie em Paris e Varsóvia, que até hoje são grandes centros de pesquisa médica. Após a descoberta da radioatividade, pode-se criar instrumentos para enxergar doenças e disfunções no corpo através do raio-x, o que prolongou imensamente o tempo de vida humano.

1399665164381.jpeg

37- Henrietta Swan Leavitt- a mulher que calculou a distância das galáxias

Henrietta, foi uma astrônoma norte-americana famosa por seu trabalho sobre estrelas variáveis. Seus resultados foram utilizados por Edwin Hubble para calcular as distâncias das galáxias(na época chamadas de "nebulosas"). Com isso, Hubble pôde mostrar que algumas destas "nebulosas" são na verdade outras galáxias, pondo fim a um longo debate sobre a natureza destes objetos e sobre as dimensões do Universo. O conhecimento das distâncias destes objetos permitiu ainda que Hubble concluísse que o Universo está em expansão, o que demonstra a importância dos trabalhos de Henrietta Leavitt.

henrietta-leavitt.gif

38- A Tecnologia das telecomunicações (fax portátil, o telefone de toque, painéis solares, cabos de fibra óptica...)

A física teórica Dra Shirley Jackson, foi a primeira mulher negra a receber um Ph.D. do MIT, em 1973. Enquanto trabalhava na Bell Laboratories, ela realizou uma pesquisa científica que permitiu a outros inventar o fax portátil, o telefone de toque, painéis solares, cabos de fibra óptica, e a tecnologia por trás do identificador de chamadas e chamada em espera.

tecnologia-telecomunicacoes-Shirley-Jackson.jpg

39- Lâmpada que funciona com água salgada

A água preenche 71% da superfície da Terra. Este recurso mega abundante pode ser a chave para resolver diversos problemas, entre eles a forma em que lidamos com a energia. Para gerar mais deste recurso tão importante para nossas vidas, Aisa Mijeno, uma arquiteta e cientista filipina, criou uma lâmpada movida a água salgada!

A lâmpada alternativa foi batizada de SALt – Sustainable Alternative Lightning. Ela funciona usando a ciência de células galvanizas, que convertem a energia química em energia elétrica, alterando os eletrólitos e gerando assim, uma solução não tóxica.

mulher-cria-lampada-que-funciona-com-agua-salgada35-thumb-570.jpg.pagespeed.ce.LRgU5WRrUO.jpg


Rafaela Werdan

Pare tudo que tiver que fazer às 17:30 e observe por 30 min o cair da noite.
Saiba como escrever na obvious.
version 14/s/sociedade// @obvious, @obvioushp, @obvious_escolha_editor //Rafaela Werdan