esquina do Óbvio

Porque a genialidade está à esquina do óbvio

Gerson Avillez

Fotógrafo, autor, teólogo, filósofo e pedagogo por formação. Portador da Síndrome de Aspeger com superdotação (Qi 163), trabalhou em eventos culturais nas Lonas Culturais no Rio (2002) onde produziu e fotografou, com fotos publicadas em jornais cariocas. Posteriormente trabalhou na Globo como fiscal de figuração pela agência MMCDI na novela Avenida Brasil (2012). Membro votante do Plano Estadual do Livro, Leitura,Literatura e Bibliotecas do Rio de Janeiro, membro do CLFC (Clube de Leitores de Ficção Científica) e da Sal (Sociedade de Artes de São Gonçalo), escreveu artigos para a Revista Somnium, teve 35 contos selecionados e publicados na Revista Litera Livre, site Maldohorror, Primeiro Capítulo, Conexão Literatura, Creepypasta Brasil nas antologias Arte do Terror, Mirage, Nemephile, assim como autor da semana com artigos de destaque na Obvious Mag. Finalista de diversos concursos literários. Tem 27 livros escritos e dois publicados, 'Adormecidos' (2011 - Ryoki Produções) e 'Síndrome Celestial' (2013 - Ed. Multifoco). Convido-os a curtir minha página no facebook: www.facebook.com/Filoversismo

O Sonho e a realidade

Breve reflexão sobre a concepção da realidade versus sonho (idéias).


Quisera os filósofos idealistas conceberem tal imagem daquele mundo que fazia jus ao ‘verso’ como se contraditoriamente “provassem” que a realidade abstraí-se de existir se não em nossa mente como sendo o universo não mais que isto, formações de mentes em suas idéias - como tal Berkeley - e fomentando, porém, mero nó epistêmico e empírico aos que concebiam o mundo como fonte reativa de interação intrínseca como a exemplo do dialogo sucedido por Hilas e Filonous no livro de equivalente autor. Na realidade, com o perdão do trocadilho, são ambos. O problema é que tal abstração nada prova sendo deste modo auto-negavel em vista que para ser verdade tal concepção é passível de se comprovar. A limitação de tal pensamento colocada sabiamente por Bertrand Russel em que somente as idéias podem ser pensadas e assim somente elas existem “de fato” confere o teor non-sense quando sabemos que mesmo o real pode ser convertido a idéias para pensarmos, vias percepção. O que estes não haviam concebido é que não trata-se da percepção e ideologia, se não sentido a suplantar mesmo sua lógica por destas advir a realidade. Os Sentidos estão presentes em todas as partes, quer como canais de percepção o mesmo de onde veio e para onde vai, ao sentir propriamente dito, o que justamente adequasse a genealogia da realidade até seu tronco-raiz, a verve do meta-verso e a verdade somente atingível em plenitude justamente pelo sentir, que finalmente expõe como todo conhecimento ser apenas compreensível, quando verdadeiro, pelo sentir não mero perceber, pois há os que vêem e não enxergam.

Trecho de Adormecidos: O Despertar de Hipnos - Appendix - Gerson Machado de Avillez

Querem conhecer o universo de Gerson Avillez? Curtam a página do Filoversismo no Facebook: www.facebook.com/Filoversismo


Gerson Avillez

Fotógrafo, autor, teólogo, filósofo e pedagogo por formação. Portador da Síndrome de Aspeger com superdotação (Qi 163), trabalhou em eventos culturais nas Lonas Culturais no Rio (2002) onde produziu e fotografou, com fotos publicadas em jornais cariocas. Posteriormente trabalhou na Globo como fiscal de figuração pela agência MMCDI na novela Avenida Brasil (2012). Membro votante do Plano Estadual do Livro, Leitura,Literatura e Bibliotecas do Rio de Janeiro, membro do CLFC (Clube de Leitores de Ficção Científica) e da Sal (Sociedade de Artes de São Gonçalo), escreveu artigos para a Revista Somnium, teve 35 contos selecionados e publicados na Revista Litera Livre, site Maldohorror, Primeiro Capítulo, Conexão Literatura, Creepypasta Brasil nas antologias Arte do Terror, Mirage, Nemephile, assim como autor da semana com artigos de destaque na Obvious Mag. Finalista de diversos concursos literários. Tem 27 livros escritos e dois publicados, 'Adormecidos' (2011 - Ryoki Produções) e 'Síndrome Celestial' (2013 - Ed. Multifoco). Convido-os a curtir minha página no facebook: www.facebook.com/Filoversismo.
Saiba como escrever na obvious.
version 1/s/recortes// //Gerson Avillez