esquina do Óbvio

Porque a genialidade está à esquina do óbvio

Gerson Avillez

Fotógrafo e homem da prática de letras nas horas vagas, teólogo e pedagogo por formação, filósofo autodidata e por vocação. Descendente direto do Tenente-General Jorge Avillez, portador da Síndrome de Aspeger, trabalhou em eventos culturais nas Lonas Culturais no Rio (2002) onde produziu e fotografou, tendo fotos publicadas em jornais do Rio de Janeiro. Posteriormente trabalhou na Rede Globo como fiscal de figuração pela agência MMCDI especialmente na novela Avenida Brasil (2012). Membro votante do Plano Estadual do Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas do Rio de Janeiro, membro número 1017 do CLFC (Clube de Leitores de Ficção Científica) e da Sal (Sociedade de Artes de São Gonçalo), tendo escrito artigos para a Revista Somnium, teve contos selecionados e publicados na Revista Litera, Primeiro Capítulo e é autor de destaque da Obvious Mag. Finalista de diversos concursos literários, tem 21 livros escritos e dois publicados, 'Adormecidos' (2011 - Ryoki Produções) e 'Síndrome Celestial' (2013 - Editora Multifoco).Convido-os a curtir minha página no facebook: www.facebook.com/Filoversismo

Dúvida na certeza ou certeza na dúvida?


A felicidade está na dúvida ou na certeza? Quantas dúvidas se podem carregar? Se alguém diz que quem tem certeza está completamente errado, então temos que duvidar da afirmação dele ou ter certeza? O absurdo da afirmação é etimológico, a certeza vem de certo, logo a dúvida está errada. A dúvida é uma incoerência da lógica inerentemente ao homem, um vago que não serve nem para estacionar. A ambiguidade é uma via que não se sabe onde chegar a não ser no inconcluso, o caminho da inócua dúvida. Não posso ter certeza na dúvida, se contradiz. Havendo dúvida, duvido até da incerteza, mas da certeza estou certo.

dúvida-betty-getty-450.jpg

As dúvidas são caminhos mais curtos para a insegurança e medo, na contramão da fé. Depressão é duvidar, felicidade é certeza. A depressão pergunta-se por que viver, a felicidade tem certeza. Mesmo a infelicidade há alguma certeza, mas a depressão é a dúvida como atuação. Pois em terra de incertezas habita do achismo. Índios fazem a dança da chuva, mas alguns dançam em volta da verdade para nunca toca-la, porque, o indefinível não é nada e pode ser interpretado como tudo. Porque tudo tem porque, mesmo ante o por que. Maldito aquele que não busca respostas, mas incertezas. Sua vida é vã. Os que matam por dúvidas a condenação é certeza. A dúvida é pergunta e certeza resposta!


Gerson Avillez

Fotógrafo e homem da prática de letras nas horas vagas, teólogo e pedagogo por formação, filósofo autodidata e por vocação. Descendente direto do Tenente-General Jorge Avillez, portador da Síndrome de Aspeger, trabalhou em eventos culturais nas Lonas Culturais no Rio (2002) onde produziu e fotografou, tendo fotos publicadas em jornais do Rio de Janeiro. Posteriormente trabalhou na Rede Globo como fiscal de figuração pela agência MMCDI especialmente na novela Avenida Brasil (2012). Membro votante do Plano Estadual do Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas do Rio de Janeiro, membro número 1017 do CLFC (Clube de Leitores de Ficção Científica) e da Sal (Sociedade de Artes de São Gonçalo), tendo escrito artigos para a Revista Somnium, teve contos selecionados e publicados na Revista Litera, Primeiro Capítulo e é autor de destaque da Obvious Mag. Finalista de diversos concursos literários, tem 21 livros escritos e dois publicados, 'Adormecidos' (2011 - Ryoki Produções) e 'Síndrome Celestial' (2013 - Editora Multifoco).Convido-os a curtir minha página no facebook: www.facebook.com/Filoversismo.
Saiba como escrever na obvious.
version 4/s/geral// //Gerson Avillez