esquina do Óbvio

Porque a genialidade está à esquina do óbvio

Gerson Avillez

Fotógrafo e homem da prática de letras nas horas vagas, teólogo e pedagogo por formação, filósofo autodidata e por vocação. Descendente direto do Tenente-General Jorge Avillez, portador da Síndrome de Aspeger, trabalhou em eventos culturais nas Lonas Culturais no Rio (2002) onde produziu e fotografou, tendo fotos publicadas em jornais do Rio de Janeiro. Posteriormente trabalhou na Rede Globo como fiscal de figuração pela agência MMCDI especialmente na novela Avenida Brasil (2012). Membro votante do Plano Estadual do Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas do Rio de Janeiro, membro número 1017 do CLFC (Clube de Leitores de Ficção Científica) e da Sal (Sociedade de Artes de São Gonçalo), tendo escrito artigos para a Revista Somnium, teve contos selecionados e publicados na Revista Litera, Primeiro Capítulo e é autor de destaque da Obvious Mag. Finalista de diversos concursos literários, tem 21 livros escritos e dois publicados, 'Adormecidos' (2011 - Ryoki Produções) e 'Síndrome Celestial' (2013 - Editora Multifoco).Convido-os a curtir minha página no facebook: www.facebook.com/Filoversismo

A Ressaca de uma Copa banhada a vinho

O único jogo real é da honestidade contra a corrupção ineptocrata, e convenhamos, ponto pra eles! Sim, negociam corrupção até para combater corrupção.


220px-Mascote_Copa.png

”Se as pessoas soubessem o que aconteceu na Copa do Mundo de 2014, ficariam enojadas!”.

A frase de Paulinho indica que assim como predito pela novela da Globo, 'Deus nos acuda', estamos afundando num lamaçal de corrupção. Caso seguíssemos todo cordão de sujeira provavelmente chegaríamos até ao apocalipse. Não é exagero, pois estamos lidando com uma corrente de sujeira que combate fogo com fogo e cobre fezes com fezes. Do começo o envolvimento de certas práticas nas obras da Copa, como superfaturamento de obras, atrasados, desvios de dinheiro, e o mesmo de oferece-la praticamente ao diabo pela aflição e miséria de seu povo, antes, durante e depois da copa valia o grito: "Não vai ter copa".

A corrupção é sistêmica e mesmo antes de começar imaginei que nunca daria algo bom, eu que apesar de passado longe de qualquer estágio durante os eventos e ter tido absolutamente nenhuma participação do "lado bom disso" apenas como todo brasileiro me senti usado e descartado como um copo de plástico enquanto o Brasil abria as pernas como uma prostituta para receber as delegações e estrangeiros que viam apenas o lado bom da festa. Mas nos bastidores dos miseráveis e aflitos a festa era outra, era bem diferente! Uma festa de arromba sim, assim como planejam para as Olimpíadas, mas apenas uma fricção pra aquecer o paraíso que nunca provei fazendo o inferno na vida alheia.

Alguns notavelmente não possuem "R" de Responsabilidade, mas de Ralé. Pois do jeito que a coisa anda não duvido nada que até meu nome surja como envolvido na corrupção sob forma de laranja ou fantasma. Gostar de brincar de denegrir e de falsidade ideológica da corrupção não é surpresa, não sei como vou sobreviver a tanta corrupção que envolvem, mas compreendi que junto aos gritos e corós de comemoração da copa, gemidos de dores também se ouviam, pois nós somos tratados como cachorros por alguns que nunca assumem suas responsabilidades como homens.

Não vi a maioria dos jogos e com aquela goleada que nem assisti, apenas ouvi os absurdos, me fez acreditar que no mundo de alguns ninguém vence por vias honestas, dentro de regras rígidas e da lei, mas como num roteiro, tudo vendido e armado a fins próprios como se fosse não um evento esportivo, mas um teatro patético onde a torcida é inútil - a menos que seja pra invadir o campo e se aglutinarem sobre quem odeia. O único jogo real é da honestidade contra a corrupção ineptocrata, e convenhamos, ponto pra eles! Sim, negociam corrupção para combater corrupção.

Do começo 'Os Simpsons' estava corretíssimo sobre essa palhaçada, é armar o circo pra depois tacar fogo e vender as torradas que surgiram nele, e não espero mais do que armação, mesmo o envolvimento dos EUA tem apenas interesses egoístas e próprios onde sempre sobra para o inocente, sim, nada de século XXI, mas igualzinho a dois mil anos atrás. Apenas ouvi a goleada e o pouco que vi daquela "vitória" deu-me vontade de vomitar, mas a julgar pelo ritmo as Olimpíadas seguem de modo semelhante e o final não seria diferente, se estamos perdidos entre elefantes brancos gritemos "não vai ter Olimpíadas"!

Assista-ao-episódio-dos-Simpsons-na-Copa-do-Mundo-no-Brasil.jpg O Povo inocente sempre será fu&*$#!

Doí a injustiça de homens maus o qual a única religião é a mentira, ganância e corrupção, mesmo quando é feito alguma justiça - nunca imparcialmente - sempre tem um enorme porém, são covardias dentro de covardias, nos tempos que os charlatões dominam a terra estão de volta, os paquidermes de sangue frio que vivem sem lei existem! Sim, a limpeza suja, e quem limpa pede mais sujeira pra depois outro limpar pedindo o mesmo, estamos a meio passo para o fim do mundo, pois já ameaçam todo mundo que tente me ajudar!


Gerson Avillez

Fotógrafo e homem da prática de letras nas horas vagas, teólogo e pedagogo por formação, filósofo autodidata e por vocação. Descendente direto do Tenente-General Jorge Avillez, portador da Síndrome de Aspeger, trabalhou em eventos culturais nas Lonas Culturais no Rio (2002) onde produziu e fotografou, tendo fotos publicadas em jornais do Rio de Janeiro. Posteriormente trabalhou na Rede Globo como fiscal de figuração pela agência MMCDI especialmente na novela Avenida Brasil (2012). Membro votante do Plano Estadual do Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas do Rio de Janeiro, membro número 1017 do CLFC (Clube de Leitores de Ficção Científica) e da Sal (Sociedade de Artes de São Gonçalo), tendo escrito artigos para a Revista Somnium, teve contos selecionados e publicados na Revista Litera, Primeiro Capítulo e é autor de destaque da Obvious Mag. Finalista de diversos concursos literários, tem 21 livros escritos e dois publicados, 'Adormecidos' (2011 - Ryoki Produções) e 'Síndrome Celestial' (2013 - Editora Multifoco).Convido-os a curtir minha página no facebook: www.facebook.com/Filoversismo.
Saiba como escrever na obvious.
version 1/s/recortes// //Gerson Avillez