esquina do Óbvio

Porque a genialidade está à esquina do óbvio

Gerson Avillez

Fotógrafo e homem da prática de letras nas horas vagas, teólogo e pedagogo por formação, filósofo autodidata e por vocação. Descendente direto do Tenente-General Jorge Avillez, portador da Síndrome de Aspeger, trabalhou em eventos culturais nas Lonas Culturais no Rio (2002) onde produziu e fotografou, tendo fotos publicadas em jornais do Rio de Janeiro. Posteriormente trabalhou na Rede Globo como fiscal de figuração pela agência MMCDI especialmente na novela Avenida Brasil (2012). Membro votante do Plano Estadual do Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas do Rio de Janeiro, membro número 1017 do CLFC (Clube de Leitores de Ficção Científica) e da Sal (Sociedade de Artes de São Gonçalo), tendo escrito artigos para a Revista Somnium, teve contos selecionados e publicados na Revista Litera, Primeiro Capítulo e é autor de destaque da Obvious Mag. Finalista de diversos concursos literários, tem 21 livros escritos e dois publicados, 'Adormecidos' (2011 - Ryoki Produções) e 'Síndrome Celestial' (2013 - Editora Multifoco).Convido-os a curtir minha página no facebook: www.facebook.com/Filoversismo

Incêndio! É a Queima de Estoque da História


A fogueira do descaso entrou pra história ao queimar nossa história. História feita de tudo que somos hoje foi colocado lá ontem, no museu, para amanhã não existir mais. O único museu de pé no Brasil é o museu do esquecimento, das memórias perdidas. A história do Brasil está tendo queima de estoque!

A verdade é que num país de corruptos o descaso com os fatos, evidências e provas são inegavelmente refletidos nisso, pra mim a metáfora seria esta. A verdade não interessa, mesmo que seja história, todos devem esquecer como sempre fizeram, esquecer o que ocorreu antes para se repetir no futuro. E assim segue os inúmeros eternos retornos como estorno da razão onde somente existe o agora e onde mesmo a repetição da mentira tenta tomar o lugar da verdade.

BRA^RJ_EX.jpg

Mas não existe o velho para a verdade, pois a verdade não tem idade, o Alzheimer histórico sim. Pois quando não é a verdade quem reina soberana o esquecimento domina e o obscurantismo e ostracismo declamam. A única autoridade absoluta que respeito ao lado da ética é a verdade, ela não tem partidos, cor ou parcialidade. A verdade, a favor ou contra, deve ser respeitada.

Não culpo tanto o povo a não ser por inércia, as escolhas de voto são geralmente ruins com a pretensa de não poder escolher o melhor, mas o menos mal. O conformismo assim se tornou regra nacional. Queimar a história da arte, ciência e cultura destrói-se o tempo em três tempos, passado, presente e futuro. Mas por favor esqueçam isso que escrevi!

custodio.jpg


Gerson Avillez

Fotógrafo e homem da prática de letras nas horas vagas, teólogo e pedagogo por formação, filósofo autodidata e por vocação. Descendente direto do Tenente-General Jorge Avillez, portador da Síndrome de Aspeger, trabalhou em eventos culturais nas Lonas Culturais no Rio (2002) onde produziu e fotografou, tendo fotos publicadas em jornais do Rio de Janeiro. Posteriormente trabalhou na Rede Globo como fiscal de figuração pela agência MMCDI especialmente na novela Avenida Brasil (2012). Membro votante do Plano Estadual do Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas do Rio de Janeiro, membro número 1017 do CLFC (Clube de Leitores de Ficção Científica) e da Sal (Sociedade de Artes de São Gonçalo), tendo escrito artigos para a Revista Somnium, teve contos selecionados e publicados na Revista Litera, Primeiro Capítulo e é autor de destaque da Obvious Mag. Finalista de diversos concursos literários, tem 21 livros escritos e dois publicados, 'Adormecidos' (2011 - Ryoki Produções) e 'Síndrome Celestial' (2013 - Editora Multifoco).Convido-os a curtir minha página no facebook: www.facebook.com/Filoversismo.
Saiba como escrever na obvious.
version 3/s/sociedade// //Gerson Avillez