esquina do Óbvio

Porque a genialidade está à esquina do óbvio

Gerson Avillez

Fotógrafo, autor, teólogo, filósofo e pedagogo por formação. Portador da Síndrome de Aspeger com superdotação (Qi 163), trabalhou em eventos culturais nas Lonas Culturais no Rio (2002) onde produziu e fotografou, com fotos publicadas em jornais cariocas. Posteriormente trabalhou na Globo como fiscal de figuração pela agência MMCDI na novela Avenida Brasil (2012). Membro votante do Plano Estadual do Livro, Leitura,Literatura e Bibliotecas do Rio de Janeiro, membro do CLFC (Clube de Leitores de Ficção Científica) e da Sal (Sociedade de Artes de São Gonçalo), escreveu artigos para a Revista Somnium, teve 35 contos selecionados e publicados na Revista Litera Livre, site Maldohorror, Primeiro Capítulo, Conexão Literatura, Creepypasta Brasil nas antologias Arte do Terror, Mirage, Nemephile, assim como autor da semana com artigos de destaque na Obvious Mag. Finalista de diversos concursos literários. Tem 27 livros escritos e dois publicados, 'Adormecidos' (2011 - Ryoki Produções) e 'Síndrome Celestial' (2013 - Ed. Multifoco). Convido-os a curtir minha página no facebook: www.facebook.com/Filoversismo

Insanidade o Novo Normal


No dia da amizade a traição da inimizade se traveste do oposto apenas para ser o que é, traidora. O projeto humano da sociedade aberta e livre como civilização demonstrado como ápice da espécie parece não ser apenas acometida por erros aleatórios, mas de sistemáticas repetições na contra-mão de sua natureza em seu melhor, a consciência, afeição, remorso, amor, respeito e reciprocidade. Na aparência a beleza, no âmago o oco de um vão niilista de desvalor e insignificância que se perfaz da hipocrisia num práxis contraditório da espiração de tudo.

Não existe bondade senão na aparência. Alguns sabem o que irão fazer comigo mesmo que ainda não saibam o motivo, a desculpa. O convite para destruir a humanidade foi lançado, é reproduzir a maldade que sofreu sobre alheios, assim da inversão passamos ajudar psicopatas, corruptos, estupradores, cleptomaníacos sádicos e mitomaníacos sob a alcunha do altruísmo de carregar lenha para o inferno, mas na esperança de que condenar quem não tem culpa para que o culpado se torne inocente, numa profanação indecente do que não possui remorso mas se gloria em cobrir crime com crime, pecado com pecado, apenas o cultuando.

0_6AFap9H-6RHPiEv2.jpg

Que a cada buraco se alargue até o âmago de abismo, que a diferença seja ressaltada como desigualdade, e a semelhança seja apenas da senil imoralidade da maldade. Qual prostituição maior senão a da verdade com a mentira, do certo com errado, da bondade com a maldade? Pois os que promovem virtude atrás do vício, tornam apenas o último verdadeiro.

Alguns almejam churrasco pois é a única coisa que rima com carrasco, porquanto a hipocrisia é uma maldade capenga que precisa usar alheios como muleta para sê-lo, pois dizendo combater o mal que inventa quando ele mesmo o é. Na curva do espelho a tolice se torna sabedoria pela reflexão invertida.

A adoração ao espaço, ao lugar e a natureza visa destronar Deus dos céus e o ser humano do centro da criação. Resta o agora ante os traumas passados e o medo do futuro, pois destituídos de memórias uns apenas existem para repetir todos os erros e deméritos passados na prova tangível de que nada aprenderam e nem Jesus bastou. A condenação desses é certa a medida com que condenam suas vítimas sem defensa alguma.

Notável observar como essa aberração que consegue ser tudo o contrário do que se diz ser numa façanha aberrativa a ciência, teologia, direito, democracia e mesmo psicologia, mas querendo impor o mesmo a quem defende isto. É o fim, é o "crente" defendendo o crime para combater o pecado, é substituir o ruim pelo agravo, a sanidade pela loucura.

Blum.jpg


Gerson Avillez

Fotógrafo, autor, teólogo, filósofo e pedagogo por formação. Portador da Síndrome de Aspeger com superdotação (Qi 163), trabalhou em eventos culturais nas Lonas Culturais no Rio (2002) onde produziu e fotografou, com fotos publicadas em jornais cariocas. Posteriormente trabalhou na Globo como fiscal de figuração pela agência MMCDI na novela Avenida Brasil (2012). Membro votante do Plano Estadual do Livro, Leitura,Literatura e Bibliotecas do Rio de Janeiro, membro do CLFC (Clube de Leitores de Ficção Científica) e da Sal (Sociedade de Artes de São Gonçalo), escreveu artigos para a Revista Somnium, teve 35 contos selecionados e publicados na Revista Litera Livre, site Maldohorror, Primeiro Capítulo, Conexão Literatura, Creepypasta Brasil nas antologias Arte do Terror, Mirage, Nemephile, assim como autor da semana com artigos de destaque na Obvious Mag. Finalista de diversos concursos literários. Tem 27 livros escritos e dois publicados, 'Adormecidos' (2011 - Ryoki Produções) e 'Síndrome Celestial' (2013 - Ed. Multifoco). Convido-os a curtir minha página no facebook: www.facebook.com/Filoversismo.
Saiba como escrever na obvious.
version 8/s/sociedade// @obvious, @obvioushp //Gerson Avillez