horizonte distante

cinema, música e tudo aquilo que se pode avistar

Guilherme Moreira Jr.

Um inquieto sobre o viver e o estar. No cinema, na música ou em qualquer outra janela. Cidadão do mundo com raízes no Rio de Janeiro.

Ayrton Senna do Brasil

Dia 1º de maio é o Dia do Trabalhador, mas também é o dia de revisitar o maior herói brasileiro: 20 anos sem Ayrton Senna. Senna seu, Senna meu, mas indiscutivelmente, Ayrton Senna do Brasil.


Ayrton-Senna-433944.jpg Herói. Talvez o brasileiro não tenha tido em toda a sua história um herói como fora Ayrton Senna. Você, tendo vivido ou não naquela época, certamente se emocionou, vibrou e cantou o tema da vitória em algum momento. Não havia como. Senna era a definição por si só do clássico herói.

Domingos nunca foram simples domingos. Recordo-me de religiosamente preparar os carrinhos no chão da sala, e posicionar o preferido na pole. Era Senna, claro. Quando as luzes se apagavam, o número 1 saia em disparada, cortando pelo chão de taco, enquanto aquele de verdade, na ponta dos dedos, conduzia o sonho de um garoto e de milhões de pessoas no país.

Nunca se tratou de uma corrida de Fórmula 1.

Em mais um feriado do trabalho, ainda reside uma angústia, uma tristeza inexplicável por alguém que fazia a diferença sem necessariamente fazer a diferença. Acima de Robin Hood ou Super-Homem, mas um Ayrton com o seu capacete verde e amarelo reluzindo sorrisos coletivos, elevando espíritos.

Talvez você considere um certo exagero ou um discurso carregado de preciosismo por um único homem. Ele não foi presidente, não lutou na ditadura ou distribuiu sua fortuna para os desfavorecidos, mas despertou nas suas conquistas algo que não podia ser tateado, apenas sentido. Ayrton Senna sempre será do Brasil e o endeusamento do homem por sua pessoa cabe ano após ano. Amanhã serão 20 anos sem Ayrton. Herói. Ídolo. Espetacular. Jamais esteve só no carro, e jamais estaremos sem ele.


Guilherme Moreira Jr.

Um inquieto sobre o viver e o estar. No cinema, na música ou em qualquer outra janela. Cidadão do mundo com raízes no Rio de Janeiro..
Saiba como escrever na obvious.
version 1/s/recortes// @destaque, @hplounge, @obvious, @obvioushp //Guilherme Moreira Jr.