léribi

Um pouco de mim, um pouco de você e um pouco de nós

Danielle Means

É professora. Também escritora. Vive num filme do Woody Allen, mas jura que Almodóvar também tem autoria. Dos Beatles, apaixonou-se pelo McCartney. Dos loucos e poucos, tem no gosto

  • gilmore-girls-season-2-promo-03.jpg
    Dona-de-casa #fail

    Sou da época que meninas eram educadas para serem boas donas de casa e mães. Você também? Deu certo? Aqui deu tudo errado. Bem, foi o que ouvi a vida inteira.

  • ele-não-atende-o-celular.jpg
    Um pingo é letra?

    Dizem que "para um bom entendedor, meia palavra basta", mas não há bons entendedores por aí.

  • tumblr_ldqervZRER1qb5buto1_500.jpg
    Um amor de qualquer jeito

    Dos amores da vida. Dos que a gente tenta explicar.

  • porque-os-seres-humanos-criam-rotulos-uns-para-os-outros.jpg
    PELO DIREITO DE GOSTAR DO QUE A GENTE QUISER

    Por que sou pejorativamente rotulada por gostar de "Cinquenta tons de cinza"?

  • free_falling_zps98e6a68e.jpg
    Felicidade? Não, obrigada.

    “Eu choro e me olho no espelho. O que há de humano em mim (ainda resta alguma coisa em algum lugar) precisa ver o reflexo de sua dor noutro ser humano. Que a dor do outro valide a minha, ainda que o outro seja um espelho, no banheiro da casa da minha mãe.”
    Fal Azevedo

  • StTropez-Bridget-Bardot.jpg
    A solteirice de Dona L.

    Em tempos, nem tão distantes assim, Dona L. tinha uma filha. Não tinha um marido. Tinha um trabalho e era independente. Um escândalo! Ainda bem que ninguém tinha nada com isso. Ainda bem que a gente aprende. Ou tenta.

  • into-the-woods-movie-screenshot-chris-pine-prince-charming-7.jpg
    Cuidado com o que você deseja

    A versão de “Into the woods” para o cinema tem gerado opiniões diferentes: amadas e odiadas, principalmente para os que gostam de assistir à musicais. Como verdadeira apaixonada por este musical, especificamente, fui conferir.

  • clarice-lispector.jpg
    Contrabandistas de si mesmos

    “Charlatão é um contrabandista de si mesmo. (…) Às vezes a charlatanice dói muito. Imiscui-se nos momentos mais graves. Dá uma vontade de não ser, exatamente quando se é com toda força.” Clarice Lispector

Site Meter