life on marx

Contos, crônicas, contos, contos....

Eduardo Ferreira Moura

Eduardo Ferreira Moura é carioca. Tipicamente, escreve contos e crônicas, mas tenta não parar por aí. Mais sobre o autor em: http://lifeonmarx.blogspot.com/search/label/bio

Woody Allen: 10 Top 5

Gostar do cinema do Woody Allen é como torcer para o América: uma questão de afetividade, não de racionalismo. Esse foi o único pré-requisito na elaboração de todas as listas.



The-Many-Faces-Of-Woody-Allen.jpeg

Top Five Diretores de Cinema Vivos 5) Coppola - Ele tá vivo, não tá? 4) Roman Polanski - Ele também, não é? 3) Almodóvar - Errar é um estilo. 2) Lars Von Trier - Podem rir. Vou rir de vocês, daqui cinqüenta anos, quando reconhecerem que ele se tornou o novo Bergman. 1) Woody Allen - Pelo conjunto da obra.

Mas não me jogue pedras ainda...!

Top Five Filmes de Woody Allen 5) Tudo Pode dar Certo - Pra provar que os filmes mais novos são igualmente bons. 4) Zelig - Por estar 30 anos na frente (e ao mesmo tempo atrás) do seu tempo. 3) Era do Rádio - Por ser acessível a todos os públicos, mesmo aos americanos mais idiotas. 2) Desconstruindo Harry - Por razões pessoais. 2.2) Hannah e Suas Irmãs - Eu sei que agora não serão cinco mais itens, mas a lista é minha. 2.1) Manhattan - Uma aula de cinema! 1) Noivo Neurótico, Noiva Nervosa - Pelas inovações simples e revolucionárias naquele momento.

Top Five Dramas de Woody Allen 5) Sonho de Cassandra - A tragédia é tanta que aqui Woody troca o Jazz pela Ópera. 4) A Rosa Púrpura do Cairo - O final é o único possível. Essencialmente humano, por isso triste. 3) Setembro - Mais melancólico do que a melancolia. 2) Match Point - Se fosse um livro, seria de Dostoiévski. 1) Interiores - Se me dissessem que é do Bergman, eu acreditaria.

Top Five Filmes em P/B de Woody Allen (Lista criada só pra dar espaço a mais algumas obras primas) 5) Neblinas e Sombras - Comédia rasa, mas o conto original escrito pelo Woody é genial (no livro Sem Plumas). No mais, ele só fez cinco filmes em preto e branco mesmo... 4) Celebridades - Muita gente implica com a atuação do Kenneth Branagh, mas o filme não se restringe a ele. 3) Memórias - Talvez seu filme mais subestimado. Belíssimo! 2) Zelig - Talvez o primeiro mockumentário da história. 1) Manhattan - Uma aula de cinema!

Top Five Piores Traduções de Filmes de Woody Allen* 5) A Última Noite de Bóris Grushenko, Love and Death (br/en) - Não que eu não goste do resultado final, mas há uma distância enorme entre os dois títulos. 4) Um Assaltante Bem Trapalhão, Take The Money and Run (br/en) - Típica tradução para Sessão da Tarde 3) Crimes e Escapadelas, Crimes and Misdemeanors (pt/en) - Escapadelas é um horror... 2) Noivo Neurótico, Noiva Nervosa, Annie Hall (br/en) - É um anti-título. Woody Allen e Diane Keaton nunca foram casados, nem noivos. Nem mesmo seus personagens nesse filme. 1) Woody et les Robots, Sleeper (fr/en) - Tão ruim que, quando tomou conhecimento, Woody Allen passou a sempre conferir as traduções que faziam de seus títulos. *Por uma questão de critério, apenas nessa lista os títulos originais estão sendo usados. Nas demais, títulos em português do Brasil.

Top Five Atrizes Coadjuvantes 5) Diane Wiest, Tiros na Broadway - Chama mais atenção do que todos os demais atores. 4) Diane Wiest, A Era do Rádio - Nasceu para o papel! 3) Diane Wiest, Setembro - É de cortar os pulsos, excelente. 2) Diane Wiest, A Rosa Púrpura do Cairo - Discreta, mas na medida exata. 1) Diane Wiest, Hannah e Suas Irmãs - Dá pra chamar isso de coadjuvante?

Top Five Atores no Papel de Woody Allen* (desculpa pela heresia, mestre!) 5) Owen Wilson, Meia-Noite em Paris - Muito bem dirigido. 4) Kenneth Branagh, Celebridades - Insuportável, mas essa era a idéia, não? 3) John Cusack, Tiros na Rroadway - O personagem o amadureceu para fazer Alta Fidelidade seis anos depois, que só não é melhor porque não é do Woody. 2) Scarlett Johansson, Vicky, Cristina, Barcelona - É uma interpretação pessoal... 1) Larry David, Tudo Pode Dar Certo - Nasceu para o papel. *Escolhas óbvias como Michael Caine em Hannah e Suas Irmãs não valem, porque o Woody atua nesse filme, então quem faz o papel de Woody Allen é o próprio Woody Allen.

Top Five “Esposas” de Woody Allen* 5) Mia Farrow - Bitch! 4) Harlene Rosen - Indiferente. 3) Louise Lasser - Engraçadinha, vide Tudo o que Você Sempre Quis Saber Sobre Sexo (Mas Tinha Medo de Perguntar). 2) Diane Keaton - A mais inteligente, mais engraçada e mais bonita. Pelo menos era há trinta anos. 1) Soon-Yi - Por ser a que mais o ama... *As aspas justificam-se porque, como foi dito em outra lista, ele nunca foi casado de verdade com a Diane Keaton...

Top Five Filmes de Woody Allen Não Citados Aqui 5) Meetin' WA - Nada demais, mas é interessante. Dirigido por Godard, sobre o Woody Allen, disponível no Youtube. 4) Broadway Danny Rose - Ele chegou a conseguir extrair sensualidade da Mia Farrou nesse filme... 3) Bananas - Comédia leve, da primeira fase da sua filmografia, mas primorosa. 2) Poderosa Afrodite - Atuações poderosas (Mira Sorvino e Helena Bonham Carter...). Algo baseado na realidade dos filhos do Woody. E os créditos não são formados pela tradicional fonte Windsor branca em fundo preto. Assiste pra saber! 1) Crimes e Pecados - Atuações impecáveis! Dramédia bem melhor do que Match Point, diga-se...

Gostar do cinema do Woody Allen é como torcer para o América: uma questão de afetividade, não de racionalismo. Esse foi o único pré-requisito na elaboração de todas as listas. Espero que compreendam!

Bônus: Top Five Diretores de Cinema Mortos 5) Akira Kurosawa - E se me encher muito o saco perde o lugar para o Hitchcock. 4) Luis Buñuel - Estaria mais bem colocado, não fosse aquela cena com a pobre da vaca. 3) Kubrick - Daqui pra frente há um empate técnico. 2) Fellini - Pela pouca vergonha. 1) Bergman - Pela técnica, pela sutileza, pela unanimidade.

Agora pode jogar pedras!

Só pra não dizer que esse artigo não acrescentou nada na sua vida, aí vai a tabela que fiz com a filmografia realmente completa do Woody, que serviu de base para essas listas. Sirvam-se! E sintam-se à vontade para sugerir eventuais correções ou acrescentar dados. Comentários e e-mails estão aí pra isso!

Untitled-2.jpg



Eduardo Ferreira Moura

Eduardo Ferreira Moura é carioca. Tipicamente, escreve contos e crônicas, mas tenta não parar por aí. Mais sobre o autor em: http://lifeonmarx.blogspot.com/search/label/bio.
Saiba como escrever na obvious.

deixe o seu comentário

Os comentários a este artigo são da exclusiva responsabilidade dos seus autores e não veiculam a opinião do obvious sobre as matérias em questão.

comments powered by Disqus
v4/s,Crônicas,geral
Site Meter