nati nogueira

Para que o mal prevaleça basta que os bons façam nada. Edmund Burke

Natália Nogueira

Publicitária e pós-graduanda em semiótica, amante dos animais e da arte. Não sabe se aquietar e se arrisca a desenhar, pintar e cantar. Ama dormir e doces. Seu maior sonho é mudar o mundo.

Melancolia de Lars


Hoje eu vou falar do longa de Lars Von Trier, de 2011. Uma pequena pincelada, até por que, quem quiser assistir não vai saber o final por mim.

Melancholia_409_photo_by_Christian_Geisnaes_large.jpg

O filme é dividido em duas partes: o casamento de Justine (Kirsten Dunst) e uma segunda, mais invasiva à vida de sua irmã Claire (Charlotte Gainsbourg). No primeiro momento o espectador tem uma visão melhor dos problemas pessoais da noiva. Bem-sucedida, amada pelo futuro marido e, aparentemente, com uma vida estável, Justine sofre de, o que eu chamaria de depressão. A moça está visivelmente de luto e infeliz por se "amarrar" a alguém. Ao que tudo indica, ela tem uma forte instabilidade quanto a nova vida com Michael.

Desde o início da trama, todos partilham da informação que um planeta passará pela Terra, o Melancolia. Alguns têm mais medo que os outros. Como exemplo, Claire é atordoada pelo fato e na segunda parte somos convidados a partilhar do sofrimento dela.

O castelo onde a irmã de Justine vive com seu filho e marido, John (Kiefer Sutherland)é o palco de continuação da história. Porém, desta vez, temos uma noção da suntuosidade do local; chega a ser irreal, solitário e bem melancólico mesmo. O mais interessante é que a vinda de Justine pra esse ambiente, o torna ainda mais cinzento, pois, ao contrário da irmã, ela aceita a destruição e a saúda com indiferença.

À medida que o planeta se aproxima, o clima vai ficando mais pesado e instigante. a obra realmente vale a pena.


Natália Nogueira

Publicitária e pós-graduanda em semiótica, amante dos animais e da arte. Não sabe se aquietar e se arrisca a desenhar, pintar e cantar. Ama dormir e doces. Seu maior sonho é mudar o mundo..
Saiba como escrever na obvious.
version 1/s/cinema// @destaque, @obvious //Natália Nogueira