o atirador de palavras

Nem sempre o axioma define tudo, é mais que um contexto é o amar de forma pura.

Gustavo Piffer

Um substantivo. Não dois. Amar o mundo. É correto caracterizar essa vida corriqueira? Sim, e também é correto vivê-la.

Plasma - a performance com o corpo

Objeto vivo em construção: feito o maneio artesanal de uma costureira, Vered Sivan segue tecendo seus trabalhos que na forma de linhas ou algo que substitua o material, se torna a composição perfeita para o projeto em questão, proporcionando uma singular criatividade à arte contemporânea.



Buscar de forma literal uma arte viva nunca foi tão objetivo como o trabalho artístico de Vered Sivan, que nas formas corporais soube de uma maneira única, encaixar e alimentar o contexto objeto e gente.

Thumbnail image for VeredSivan3.jpg Performance Plasma (2011) - Galeria Rooster.

O trabalho intitula as formas corporais em uma instalação onde “teias” de um material sintético são envoltos ao corpo do modelo, proporcionando um preenchimento ao ambiente de forma instigante, onde o sufoco se alastra e os torna imortalizados a ausência de movimento. São cortinas de fios espalhados pelos corpos estáticos, mas vivo.

Sivan_1.jpg

Gradativamente os objetos presentes são tomados por esta teia. Vered se manifesta como uma “aranha” contemporânea no sentido de tecer sua ideia artística, que ora nos atordoa como uma própria fobia. É incrível o potencial de transformar o visual em uma “ausência de ar” figurada.

Sivan_2.jpg

A performance de nome Plasma (2011), trouxe pontos relevantes à obra da artista que tem como viés central de seu trabalho a questão de linhas em conexões que unidas gradualmente constroem uma forma ou objeto.

Plasma 2.jpg

Como uma artesã em fase de linhas e agulhas, seu trabalho vai se transformando. Dentre as linhas, que podem ser fio dental, lã de aço ou algo que o substitua e tenha uma função maleável e expansível, ela molda. Como uma aranha faz sua teia para proteção e estratégia de extinto, Sivan “tece” seus trabalhos na função de alimentar o novo conceito do contemporâneo da arte, moldando esqueletos, músculo ou algo que representem a forma humana transpondo o singular de seu trabalho.

Sivan_4 (1).jpg

Silvan_3.jpg

Silvan_5.jpg

vered-sivan_.jpg

Sivan_5.jpg

Sivan_6.jpg

227_large.jpg A artista Vered Sivan.

Vered Sivan é representada pela galeria Rooster, e tem seus trabalhos expostos pela mesma.

Gustavo Piffer

Um substantivo. Não dois. Amar o mundo. É correto caracterizar essa vida corriqueira? Sim, e também é correto vivê-la..
Saiba como escrever na obvious.

deixe o seu comentário

Os comentários a este artigo são da exclusiva responsabilidade dos seus autores e não veiculam a opinião do obvious sobre as matérias em questão.

comments powered by Disqus
x2
 
Site Meter