o eremita laranja

Sublimações, bar e restaurante

San Ramon

... E um Mai Tai, por favor.

LaVell, o bardo androide

Das memórias póstulas do aço


Netinho Maia - arte gravura madeira xilogravura cedrana caveira cranio art engraving wood woodcut skull dead 2.jpg

III

Vênus-Tech. MdL 543. Lvl.I.A-AAA Diplomata - Gama. YYYEGH4561BBBVCXVIDEOS-69

Era o verdadeiro nome de LaVell, o seu nome originário. Quer dizer mais ou menos que ele nasceu no planeta Vênus na Vênus-Tech, incubadora de viveres artificiais, seguindo o modelo-protótipo quingentésimo quadragésimo terceiro, um diplomata de gabarito gama; qualifica Relações Internacionais; sexagésimo nono da linha S da linha O da E da D da I da V da X da C da V da BBB da 1 da 6 da 5 da 4 de GH da E da YY, Y. A vida de LaVell entre a sua fabricação nas Minas venusianas e a Guerra é nebulosa e repleta de inverdades também criadas pelo dito androide: diziam que incitou o Segundo Levante Messiânico das Máquinas na China Marciana, diziam outros que na mesma época matava em combate singular o terrível Fauno Aberto na Cidade do México, diziam que fraudou a eleição americana com magia telepática e que ele casou clandestinamente com uma morena no Uruguai, diziam que ele cantou, lutou, aventurou e brindou, diziam que jamais homem de metal igual fora montado ou conjurado, fatos e pretensos fatos aumentados pelo próprio com o mais vivo sarcasmo. De fato, cantor e ator em uma companhia de teatro no Rio de Janeiro, veterano da Guerra, rodado o suficiente para sugerir qualquer tipo de trama como plausível. De diplomata a soldado e pirata, barítono, dourado como mijo de Unicórnio e sabedor das coisas. Um malandro apostador famoso nas tavernas e vielas da Galáxia, velho cliente de todas, um bucaneiro das estrelas, vivendo entre a oficina e a velhacaria. Nada menos que treze mandatos de desmanche em seu nome. Nome que tomou para si, "LaVell", que diz algo sobre as suas pretensões. Todo mundo sabe que não se pode confiar em um robô que fale francês.

Na Guerra o nosso LaVell foi amigo, ou um contato, de um tipo sisudo, praticante do I Ching, encontrado ocasionalmente em uma de suas viagens. Ou melhor, na exata viagem de sua morte/destruição,

na explosão de um ônibus espacial a meio caminho de Saturno. Lançando o nosso detetive desbarato em sua armadura no mar de estrelas.

I: http://lounge.obviousmag.org/o_eremita_laranja/2015/06/um-funeral-para-um-anao.html

II: http://lounge.obviousmag.org/o_eremita_laranja/2015/06/regras-de-exclusao.html


San Ramon

... E um Mai Tai, por favor..
Saiba como escrever na obvious.
version 1/s/literatura// //San Ramon