oficina da imaginação

É difícil imaginar qualquer coisa simples

Luciano Oliveira

Mais ou menos designer e blogueiro, recém formado em #Marketing e entusiasta da comunicação digital. Curioso por natureza e investigador das tendências e tecnologias disruptivas. Acredito que para ser feliz é preciso hackear a vida e não se acomodar.

Se perder no apenas fazendo


sentimentos-02.jpg

Às vezes ficamos desanimados sobre nós mesmos e pensamos: "Eu não estou fazendo um bom trabalho, eu não estou disciplinado, eu não sou bom o suficiente." Ou algo assim.

O que podemos fazer? Dê-nos uma conversa de vitalidade? (Claro!) Encontrar algo para apreciar sobre nós mesmos, algo que nos impressione? (Sim!)

Outra abordagem, altamente recomendada, é simplesmente esquecer está ideia. (isso mesmo, esquecer que você está desanimado).

Quando estamos desanimados de nós mesmos, nós estamos criando um monte de ideias de como não somos bons o suficiente, que não surpreendemos o suficiente, não somos bem sucedidos o suficiente e não somos especiais o suficiente. Mas o que é tão importante sobre ser especial? Por que estamos tão preocupados com isso? É um desperdício de ciclos cerebrais.

Em vez disso, basta escolher algo para trabalhar. Faça alguma coisa, desenhe algo, programe um bom passeio, procure fazer algo que te anime mesmo que pouco, construa alguma coisa. Não importa. Tudo o que o seu coração puder ser atraído. Defina uma intenção para esta atividade: Eu estou fazendo isso por compaixão para com os outros, por amor a mim mesmo, para cumprir o meu compromisso com fulano de tal.

Agora comece: comece realmente a fazer. Não se preocupe se você vai fazê-lo por 10 minutos ou uma hora. Não se preocupe com o quão bom você vai ser para ele, ou o que as pessoas vão pensar sobre isso, ou se você vai ter sucesso ou não.

Elimine completamente aqueles pensamentos que não são relevantes para a tarefa.

Basta fazer. Coloque sua mente completamente na atividade, no movimento e ideias e emoções, em seu corpo, a respiração e arredores. Seja completamente consciente, completamente imerso.

E essa criança dentro de si mesmo, preocupado em ser especial? Ele ou ela desaparece. Se perde, quando você ficar imerso no que está fazendo.

Experimente agora. Escolha algo, defina uma intenção e começar a fazer. E se perca apenas fazendo.


Luciano Oliveira

Mais ou menos designer e blogueiro, recém formado em #Marketing e entusiasta da comunicação digital. Curioso por natureza e investigador das tendências e tecnologias disruptivas. Acredito que para ser feliz é preciso hackear a vida e não se acomodar..
Saiba como escrever na obvious.
version 2/s/artes e ideias// //Luciano Oliveira