parabolicando

literatura, música, cinema, artes plásticas, comportamento

Milu Leite

milu leite é jornalista e escritora

Tudo nasce, mas nem tudo morre

O discurso, a arte, a música, as pessoas, os deuseus e León Ferrari.


O papa mudou o discurso a respeito dos gays. Diz agora que eles não devem ser marginalizados, nem julgados. Comemoro e penso: por que tanta demora para dizer algo tão essencial? Vou gastar um par de semanas tentando chegar a uma resposta. Simplesmente porque as razões dele (e da Igreja) não estão nem remotamente próximas da minha linha de raciocínio. Condenar gays por quê?! Julgar gays por quê? Nunca alimentei nenhum tipo de intolerência que não tivesse uma razão humanitária. Não tolero preconceito de nenhuma natureza, não tolero posturas dogmáticas, não tolero gaiolas, celas, jaulas, ou seja lá o que for que aprisione e sufoque novas maneiras de encarar o mundo, de ver a arte, de criar, de viver. Em vez de jaulas, os trilhos de um trem. trilho-do-trem_2982453.jpg

***

Este fim de semana comemorei a concretização de um projeto coletivo. Lancei com o pessoal que faz a minha oficina de escrita criativa um livro de contos. "Os meus, os teus, os nossos contos" (Editora Insular) é resultado de trabalho compartilhado em encontros reais e virtuais. Vi no olhar de realização de todos os autores um pouco do meu. Estava (e estou) tão feliz quanto eles. Criamos e tornamos concreta a nossa cria. Isto foi na quinta-feira. No sábado, o que me encantou foi um show, a cria de amigos músicos. Vi brotar do improviso de um encontro inédito a alegria da música em toda a sua complexidade. Caio Muniz, Moser de Oliveira e Gilnei Silveira são alquimistas, mágicos, xamãs. Para um pequeno grupo de pessoas (que alguns chamam de "corajosos", mas que eu prefiro chamar de "espertos"), esses três artistas engrandeceram o bar. Derrubaram paredes, abriram o chão, arriaram o céu. Quem estava ali, nós, os que não suportamos jaulas, nem preconceitos, nem julgamentos estapafúrdios, nós e eles metemos os dedos no céu. Talvez tenhamos cutucado deuses.

***

Pena que o genial León Ferrari morreu. leon_ferrari-e1313462153861.gif


Milu Leite

milu leite é jornalista e escritora.
Saiba como escrever na obvious.
version 1/s/artes e ideias// //Milu Leite