película criativa

O cinema em primeiro plano

Lynn Colling

Publicitária e editora do blog Película Criativa

A influência de Steve Jobs no cinema

Uma pequena retrospectiva sobre como Steve Jobs foi capaz de transformar a indústria cinematográfica para sempre.


steve-jobs.jpg

A cinebiografia de Steve Jobs é um dos filmes mais aguardados da temporada. Michael Fassbender é o protagonista do longa, que aborda três momentos importantes da vida do inventor: os bastidores do lançamento do primeiro computador Macintosh (1984), da empresa NeXT, e do iPod (2001).

"Steve Jobs" já chegou aos cinemas nos Estados Unidos e foi uma das estreias mais comentadas do ano. O cineasta Danny Boyle ("Quem Quer Ser um Milionário?"), e o roteirista Aaron Sorkin ("A Rede Social"), fazem a frente criativa do filme - que sofreu diversos contratempos durante a pré-produção.

Parece que a própria viúva de Jobs entrou em contato com o diretor do filme para solicitar o encerramento da produção. Há rumores que ela também convenceu Leonardo DiCaprio e Christian Bale a desistirem do projeto.

Com o lançamento do filme marcado para 21 de janeiro no Brasil, essa retrospectiva é apenas um pequeno exemplo da importância de Steve Jobs para a sétima arte.

Animação

Em 1986, com o futuro incerto das animações cinematográficas, George Lucas enfrentou dificuldades com a LucasFilm. Steve Jobs entrou em cena ao comprar a Pixar, por 5 milhões de dólares. Com o objetivo de realizar o primeiro longa animado somente por computação gráfica, a equipe de Jobs desenvolveu e lançou seu primeiro projeto em 1995: "Toy Story".

Trailers

Com o retorno da franquia "Star Wars", Steve Jobs identificou a possibilidade de melhorar a qualidade dos trailers. Na época, fãs da franquia enfrentavam filas e pagavam ingressos no cinema somente para assistir ao trailer de "Star Wars: Episódio I - A Ameaça Fantasma".

Em 1999, a equipe de Jobs lançou uma versão estendida do trailer, através do QuickTime. Para assistir, era preciso apenas instalar o aplicativo no computador. Essa empreitada entrou para a história, gerando o maior número de downloads na época.

Produção

Steve Jobs sempre afirmou que as pessoas podem criar coisas fantásticas se tiverem acesso à tecnologia. Foi então que surgiu a função "vídeo" no iPhone, assim o grande público passou a ter a oportunidade de realizar seu próprio filme.

Consumo

Através do iTunes, e da introdução da sessão de compras em 2003, o usuário passou a encontrar uma grande oferta de conteúdo cinematográfico para assistir, primeiro via download, e depois via streaming.


Lynn Colling

Publicitária e editora do blog Película Criativa.
Saiba como escrever na obvious.
version 1/s/cinema// @obvious, @obvioushp //Lynn Colling