polifonia sem fio

Percepção e Representação de Mundo

Aline Vaz

Doutoranda e Mestre em Comunicação e Linguagens, especialista em Cinema e graduada em Letras, pela Universidade Tuiuti do Paraná - pesquisadora no GP GRUDES - Desdobramentos Simbólicos do Espaço Urbano em Narrativas Audiovisuais gpgrudes.com

Contra o ego fanático

Em tempos de livre expressão o que se ouve é barulho, onde todos falam ninguém se escuta, é um caos, todos agindo como crianças mimadas, gritam, esperneiam, querem chamar a atenção, conseguir o brinquedo novo, o novo escândalo político para dizer “não fui eu”.


hbo-s-girls-is-the-best-new-tv-show-of-2012.jpg

Gente que faz terapia no ponto de ônibus, no horário de trabalho, na mesa do bar, quando chega em casa, no facebook, no café da manhã, no ponto de ônibus... Gente que não te ouve, pergunta como você está e responde como ela está. Gente que tem muita opinião, gente que sabe tudo sobre tudo o que convém a ela, gente sociável, inconveniente, só é respondida com uhum, aham, é... E não se dá conta.

Libertem-se de tantos ditos. Em terra de quem fala tudo que quer, ouvir as pausas são privilégios. Expressão é também saber ouvir, compreender as vozes ao redor, encontrar no outro boas referências. É preciso aprender com as discordâncias, com a troca de experiências, com as contradições e aceitar que todos nós temos vozes, ideologias, problemas e sucessos.

Girls tv show Lena Dunham, Hannah Horvath - I think I might be the voice of my generation.bmp

Em tempos de livre expressão o que se ouve é barulho, onde todos falam ninguém se escuta, é um caos, todos agindo como crianças mimadas, gritam, esperneiam, querem chamar a atenção, conseguir o brinquedo novo, o novo escândalo político para dizer “não fui eu”.

Vamos ser menos fanáticos por nós mesmos, vamos dar menos ouvidos para o que já sabemos sobre o que somos e conhecer quem são os outros, o que eles pensam, como foi o dia daquela pessoa que você conta o seu dia todo dia, porque estão alí com você, porque são diferentes, porque são gente como a gente.


Aline Vaz

Doutoranda e Mestre em Comunicação e Linguagens, especialista em Cinema e graduada em Letras, pela Universidade Tuiuti do Paraná - pesquisadora no GP GRUDES - Desdobramentos Simbólicos do Espaço Urbano em Narrativas Audiovisuais gpgrudes.com.
Saiba como escrever na obvious.
version 2/s/recortes// //Aline Vaz