por trás do espelho

reflexões involuntárias

Eli Boscatto

Formada em Ciências Políticas e Sociais, curiosa, inquieta, adora se emocionar. Pretensa poeta.

Caravaggio - o artista rebelde da arte barroca

Que Caravaggio tem muitos seguidores não é nenhuma novidade. Quando vi pela primeira vez sua obra, ela logo meu chamou a atenção. Como não sou conhecedora de arte, não sabia exatamente o que nela me encantava, mas havia algo diferente daquelas pinturas religiosas do renascimento. Pareciam mais reais, mais terrenas.


caravaggio_sao_mateus-1024x768.jpg Vocação de São Mateus

Michelangelo Merisi da Caravaggio, nasceu em Milão na Itália em 1571. O nome Caravaggio se refere à aldeia natal onde vivia sua família. Dizem que ele não era nada comportado, farrista, briguento, vivia envolvido em problemas com a polícia e sem dinheiro. Foi considerado o primeiro grande representante da arte barroca, usava um efeito que ficou conhecido como “tenebrismo”, ao utilizar sempre luz e cor em primeiro plano sobre um fundo escuro, trazendo um ar sombrio e dramático às suas obras, a maior parte delas sobre temas religiosos. Mas acabava muitas vezes por ferir a sensibilidade de seus clientes ao usar pessoas comuns das ruas de Roma, às margens da sociedade, como modelos para pintar cenas e personagens bíblicos e mitológicos; em geral comerciantes, prostitutas, marinheiros e mendigos, porém que tivessem grande expressividade, como retratado em suas obras. Não se incomodava em provocar a nobreza da época com sua pintura. ejap1nb4frdqc4r1dv7cdi6e6.jpg São Francisco em Meditação

Esta é sem dúvida outra característica marcante de Caravaggio, que ao invés de pintar cenas da Bíblia usando belas figuras delicadas, celestiais, não se importava em usar o feio e a deformidade. Sua pintura foi revolucionária para a época, fazendo oposição consciente ao Renascimento. 448540_90182.jpg Judith e Holofenes

Em 1606 Caravaggio matou um jovem durante uma briga e teve que fugir de Roma para onde nunca mais voltou até sua morte. Sua vida conturbada e sua personalidade controversa, devem ser a razão para o surgimento de tantas histórias a seu respeito. Uma delas, a mais recente, diz que Caravaggio que morreu aos 38 anos, teria sido assassinado e seu corpo lançado ao mar por membros da Ordem dos Cavaleiros de Malta, organização católica fundada nas Cruzadas, versão sustentada pelo historiador de arte e especialista em sua obra Vincenzo Pacelli, na obra intitulada Caravaggio – entre a Arte e a Ciência. A prova estaria registrada em documentos secretos do Vaticano que teria aprovado a execução, e o crime seria uma revanche.

Seja como for, é impossível ficar indiferente a seus quadros, são fascinantes as expressões dos personagens, causando em nós uma espécie de catarse, sentimentos entre a compaixão e o horror.

A Ceia de Emaús.png A Ceia de Emaús caravaggio-davidmostrandoacabecadegolias1605.jpg David com a Cabeça de Golias A flagelação de Cristo.jpg A Flagelação de Cristo caravaggio19.jpg São Francisco em Êxtase baro_jpg[1].jpg" class="mt-image-none" style="" /> Os Trapaceiros Caravaggio - A Adivinha.jpg A Adivinha 4.jpg Tocador de Alaúde

Fonte: Wikipédia, Revista Superinteressante Veja mais em: pt.wikipedia.org/wiki/Caravaggio


Eli Boscatto

Formada em Ciências Políticas e Sociais, curiosa, inquieta, adora se emocionar. Pretensa poeta..
Saiba como escrever na obvious.
version 2/s/artes e ideias// @destaque, @obvious //Eli Boscatto