progressão

"Welcome back my friends to the show that never ends"

Paola Domingues

"Seja ela, a liberdade, com todas as suas formas descritas, a mais válida talvez seja a música, que ultrapassa o tempo e o espaço, as dimensões e o raciocínio, penetra e expande para onde quer que você decida estar".

Avance duas casas

Um bom receptor musical é aquele que não se limita a adorar somente um estilo musical. Chegou a hora de se libertar.


Observe! Nada precisa ser imutável, e não por isso generalizado. Música não é atributo de escolha como partido político, é em sua essência algo muito mais libertador.

f663c3c42857ffc9601f71767cd4d253.jpg

Quando comento que escrevo sobre músicas e a tenho como objeto de estudo, observo muito mais pessoas se delimitando às preferências exclusivas por um determinado estilo ou pior, a algumas bandas, como se aquele modelo definisse a personalidade de cada um. Aí é quando entro em um desgastante debate: música não deveria ser um fator tão imutável na vida de uma pessoa. É preciso desvincular-se da sua personalidade. Ter Chico e Pink Floyd na mesma estante!

Eu por exemplo sou uma eterna fã de Rock Progressivo (não é novidade para quem acompanha essa página), mas nada me impede de aproveitar boa música como samba, ou Heavy Metal, MPB, Blues,Jazz e Sertanejo. "Música é como comida. Você não pode dizer que é ruim sem ao menos degustar. Prove e tire suas conclusões, pois ter uma opinião sem ao menos avaliar é pra mim falta de educação".

Falta de educação, porque assim como a literatura, a pintura, o teatro, música é arte, e deve ser tratada como tal. Pessoas encabeçaram esse projeto, trabalharam e desenvolveram aquele determinado formato que acreditou ser interessante apresentar. E isso vai de Mozart a Valeska Popozuda.

Calma! Não estou dizendo que Valeska é um gênio, ok? Mas, entenda onde estou querendo chegar vendo esse vídeo com um dos músicos mais renomados de nosso país:

Parece óbvio, mas não é. Falar de música deve ser um assunto tratado de forma política: ouça, avalie a composição, a mensagem, o trabalho vocal e as referências. É deste ponto de partida que podemos avaliar um bom trabalho. Claro que você não precisa ouvir aquilo que não gosta, mas isso não faz da sua opinião, absoluta. Como tudo na vida, estar aberto a novas compreensões é sempre libertador. Sempre avançamos quando estamos aptos para conhecer.


Paola Domingues

"Seja ela, a liberdade, com todas as suas formas descritas, a mais válida talvez seja a música, que ultrapassa o tempo e o espaço, as dimensões e o raciocínio, penetra e expande para onde quer que você decida estar"..
Saiba como escrever na obvious.
version 1/s/musica// //Paola Domingues