isabela fuchs

Isabela é uma curitibana que estuda (e adora) Design e que é apaixonada por artes visuais, fotografia, história da arte, música, literatura, cinema, ilustração e tudo mais que lhe der na cabeça.

Amadeo Modigliani e seus retratos sutilmente brutais

"Modigliani - Imagens de uma vida" está em exposição em Curitiba. Como Amadeo Modigliani conseguiu criar um estilo próprio sem pertencer a nenhuma vanguarda artística, chocou a belle-époque com seus nus escancarados e ainda permanece forte e impactante depois de cem anos?


Ontem Curitiba recebeu no Museu Oscar Niemeyer a exposição "Modigliani - Imagens de uma vida", contando com 59 obras. A exposição vai até o dia 30 de setembro.

modigliani.jpg

Amadeo Modigliani era um artista plástico parisiense, e suas obras tinham como a mais marcante característica os rostos femininos alongados.

modigliani2.jpg

Suas obras expõem claramente ideais da escola expressionista, em que manifesta-se artisticamente sentimentos e emoções, e não somente a realidade mundana. As mulheres de Modigliani demonstram profunda solidão e apatia, e suas características físicas - rostos alongados e estreitos, fechados - não demonstram a realidade visual real delas, e sim a camada sombria e solitária de suas existências. Mesmo assim, inúmeros estudiosos da história da arte e das artes plásticas não enquadram Modigliani neste movimento artístico, mas o inserem em um próprio e autônomo estilo.

modigliani3.jpg

Outra característica forte de seu acervo artístico é o nu feminino. Causou enorme escândalo na época, começo do século XX, porém o argumento do artista era de que não era um nu sensual, em que somente se despia as roupas, mas sim um desnudamento da alma humana (!), o que mesmo para nós, meros leitores de suas obras, demonstra-se real: o nu é muito natural e nem um pouco rebuscado, o que enfatiza ainda mais a solidão e apatia dos retratados.

modigliani5.jpg

O artista, influenciado pela arte africana e pelo cubismo, interessa-se pela escultura (as quais também estão no acervo da exposição do MON), que são interessantíssimas pela mescla de valores visuais clássicos do Modigliani e da arte africana, principalmente quanto às máscaras de tribos africanas.

modigliani6.jpg

Modigliani morreu muito cedo, aos 35 anos de idade, vítima de tuberculose.


isabela fuchs

Isabela é uma curitibana que estuda (e adora) Design e que é apaixonada por artes visuais, fotografia, história da arte, música, literatura, cinema, ilustração e tudo mais que lhe der na cabeça..
Saiba como escrever na obvious.
version 1/s/artes visuais// @destaque, @obvious, eros //isabela fuchs