"O teu direito de janela – o teu dever de árvore."

Friedensreich Hundertwasser libertou-se das linhas retas, instrumentos do diabo, contruindo telhados verdes que mais não fazem do que proteger o homem de si próprio: colocando-lhe a natureza em cima da cabeça e debaixo do nariz.


malerei1.jpg

hundertwasser_in_my_mind_by_santosam81.jpg

hundertwasser1.jpg

flat,550x550,075,f.jpg

Hundertwasser_Vegetal_architecture,_1956.jpg


version 1/s/arquitetura// //ana bernardo