relatando

remar contra a corrente, desafinar o coro dos contentes...

Renata Souza

Tenho jornalismo como profissão e gosto de pensar que também como vocação. Acredito na escrita como forma de desenhar o mundo e na música como uma infindável fonte de inspiração.

  • precious.jpg
    Sobre o tamanho extragrande de nossos preconceitos

    De que forma o padrão estético e a valorização da auto-imagem tem transformado nossa visão de mundo e influenciado nosso convívio social? Até que ponto o nosso ideal de bem-estar está ligado a um corpo magro, musculoso e eterno?

  • amortedesocrates_david.jpg
    Só sei que tudo sei

    Detemos o título de “Sociedade da informação”. Somos a geração que tem poder de voz e notoriedade, potencializados pela internet e pelas novas tecnologias. Mas, ao mesmo tempo em que avançamos, parecemos esquecer que a primícia do conhecimento é reconhecer que nada sabemos.