renzo mora

Cultura Pop, Pretensão e Água Benta

Renzo Mora

Renzo Mora é escritor e roteirista. Publicou os livros "Cinema Falado"; "Sinatra - O Homem e a Música"; "Fica Frio - Uma Breve História do Cool" e "Frank, Dean & Sammy: 3 Homens e Nenhum Segredo"

Michael Jackson - Intocável.

MJ além dos tabloides. Ninguém vai te salvar da besta que ronda para te atacar.


tn_658_645_biografia_031213.jpg

Qualquer livro que se escreva sobre a vida de Michael Jackson corre o risco de cair na prateleira das obras sensacionalistas, pouco diferentes do lixo que os tabloides de fofoca estampam em suas manchetes.

A culpa não é dos autores – a vida que ele viveu praticamente obriga o escritor a mergulhar na lama.

Desta forma, o livro “Intocável”, de Randall Sullivan, poderia ser colocado de lado como um trabalho descartável. Mas, se esquecermos o preconceito, podemos examinar uma das vidas mais improváveis e trágicas de todos os tempos.

Uma história tão delirante que, se fosse ficção, seria rejeitada por qualquer editor por desafiar o princípio de “suspensão da incredulidade”.

Como o gênio que compôs Billie Jean em três minutos (música que, aliás, Quincy Jones queria deixar fora do álbum Thriller), o garoto excepcionalmente cool e sexy que dançava Rock With You, absolutamente seguro de si, o menino que tinha o mundo aos seus pés, termina como a figura triste, deformada e anestesiada de seus últimos anos?

É esta história que Randall Sullivan conta.

Por sinal, Sullivan inocenta o astro das acusações de pedofilia. Ele teria morrido virgem e suas relações com meninos nunca teria avançado para o plano físico.

Mesmo que você não seja fã de MJ, mesmo que você despreze livros sobre celebridades, esta é um história sobre fama, loucura, talento, solidão e excessos que vale conhecer.

Você pode ter tudo - e tudo pode não ser suficiente.

Randall só deixou uma passagem de fora – e é esta que eu revelo aqui:

O Que Aconteceu com Michael Jackson em Abril de 1984

Publicado em 26/06/2009 por Renzo Mora

Até abril de 1984 muita coisa já tinha acontecido com Michael Jackson. Ele já tinha encontrado o parceiro que o ajudou a definir o seu som, o produtor musical, compositor e arranjador Quincy Jones, e com ele gravou os dois melhores álbuns de sua carreira: Off the Wall, de 1979, e, em 1982, Thriller, que até 2006 havia sido adquirido por mais de 104 milhões de pessoas , sendo o álbum mais vendido da história da humanidade (e com as mudanças do mercado fonográfico, marca que jamais será ultrapassada). Em março de 1983, depois de se apresentar no espetáculo NBC’s Motown 25: Yesterday, Today, Forever , ele recebeu uma ligação de um veterano para elogiar sua dança. “Você se mexe bem pra diabo… um dançarino selvagem.” O elogio vinha de Fred Astaire, o que não era pouca coisa. Enfim, até Abril de 1984, já tinha acontecido quase tudo que podia consagrar Jackson. E, neste mês, ele decidiu visitar Quincy Jones, que estava trabalhando no álbum de jazz de um veterano cantor. Quando o viu no estúdio, o cantor disse ao engenheiro de som Phil Ramone: “Se eu não pegar um autógrafo para a minha neta, vou ter um problemão. Você acha que ele se incomoda de me dar um autógrafo” Ah, sim, o nome do cantor era Francis Albert Sinatra e a informação está no livro Sessions With Sinatra de Charles L. Granata (além de devidamente reproduzida em meu livro “Sinatra – O Homem e a Música”) Quando Frank Sinatra pede O SEU AUTÓGRAFO, seu lugar no panteão dos deuses da música está assegurado – não importa o que venha depois. E, claro, o que veio depois foi uma longa e triste decadência, um enlouquecimento progressivo. “And no one’s gonna save you from the beast about to strike” cantou ele profeticamente em Thriller. Ninguém vai te salvar da besta que ronda para te atacar. Mas a besta não é a morte ou a solidão. É a caricatura em que todos nos transformamos com o tempo. Inclusive os deuses. 0012.jpg


Renzo Mora

Renzo Mora é escritor e roteirista. Publicou os livros "Cinema Falado"; "Sinatra - O Homem e a Música"; "Fica Frio - Uma Breve História do Cool" e "Frank, Dean & Sammy: 3 Homens e Nenhum Segredo".
Saiba como escrever na obvious.
version 1/s/// @destaque, @obvious //Renzo Mora