Mariana Dias

20 anos, estudante de jornalismo e não sabe fazer descrição de si mesma.

Senhoras e senhores, Kimbra!

Conheça a neozelandesa de apenas 22 anos que pretende garantir seu espaço de vez no atual cenário da música pop.


kimbraart.jpg

Nos dias de hoje, o modo como diferentes culturas se misturam, faz com que seja cada vez mas complicado definir o estilo de um artista, de uma música ou de qualquer tipo de coisa relacionada a cultura. Haveriam várias maneiras de descrever e definir a música que Kimbra faz, todas as afirmações estariam corretas mas nenhuma sozinha poderia definir o estilo da cantora.

Kimbra Johnson nasceu na Nova Zelândia, mas foi somente quando se mudou para Austrália que sua música passou a ser reconhecida. Ela, com apenas 20 anos lançou seu primeiro álbum Vows, e agora, aos 22, já começa a fazer sucesso.

No ano passado ela fez sua estreia no cenário da música internacional com a participação na música 'Somebody that I used to know' do meio belgo meio australiano Gotye. A música foi primeiro lugar no Reino Unido e na Austrália, entrando para a programação de várias rádios ao redor do mundo, abrindo espaço para que os dois fizessem vários shows juntos, inclusive em um dos maiores festivais de música do mundo, o Coachella.

Somebody that I used to know

A música de Kimbra se caracteriza por sua voz marcante e seu jeito suave de cantar, herança do jazz e soul music que ela incorpora junto com faixas que vão desde batidas eletrônicas características do pop à melodias com baixo pesado e efeitos em saxofone. Essa mistura faz com que se forme um estilo próprio, totalmente diferente das cantoras pop de hoje.

Kimbra diz que vai contra a ideia do pop radiofônico atual, que degrada as pessoas e parece ser feito a partir de uma fórmula, em que todas as músicas se tornam iguais ou bem parecidas. Para ela fazer música é espreguiçar os sentidos das pessoas, ligá-las para o quão boa a música pop pode ser.

'Settle Down', primeiro single da cantora

Durante o início de sua carreira, muitos consideraram Kimbra como uma artista de featuring, que só faria sucesso nas sombras de outros músicos. Mas ela agora prova o contrário, recentemente tocou sozinha no festival SXSW em Austin, no Texas. Se preparando para gravar o segundo álbum, ela vem cada vez mais sendo reconhecida, foi considerada em 2011 pela revista Rolling Stone como uma das cantoras para ficar de olho (‘One To Watch’) e promete ser uma das revelações de 2012.


Mariana Dias

20 anos, estudante de jornalismo e não sabe fazer descrição de si mesma..
Saiba como escrever na obvious.
version 3/s/musica// @destaque, @obvious //Mariana Dias