Inês Petiz

Inês Petiz é artista. E não poderia ser nenhuma outra coisa.

As viagens de Rui Ricardo

São posters de viagem e fazem-nos viajar não só no espaço como no tempo. Rui Ricardo ilustra as atrações e peculiaridades de cada região do mundo por onde passou, com especial destaque para a cidade do Porto, em Portugal, onde reside.


Porto: Cabine

Como residente do Porto, que também sou, acho bastante interessantes as escolhas de Rui Ricardo, pois oferecem aos portuenses uma nova visão da sua cidade. Em parte não muito diferente da que temos com qualquer coleção de postais da cidade para turistas, é verdade, mas por outro lado, revelam um olhar mais carinhoso, menos comercial e mais atento aos pormenores. Além disso, o simples facto de se tratarem de ilustrações ao invés das tradicionais fotografias confere-lhes uma maior intimidade, como se fizéssemos uma visita guiada por um residente em vez de por um guia turístico, a cidade torna-se mais aconchegante aos nossos olhos.

Porto: Vodafone

As ilustrações lembram posters vintage e também um pouco a manga japonesa. São enquadradas por uma moldura beje e contam a história de cada local como se fossem imagens pitorescas, captadas pelo olhar de um viajante. Desde monumentos históricos, a outros mais modernos, a meios de transporte, zonas naturais, lojas, quiosques e costumes caraterísticos, tudo serve para construir esta perspetiva turística de cada poster.

Porto: Livraria Lello

Porto: Medusa

Marcantes pelos seus fundos lisos ou com suaves gradientes de cor, formas de linhas simples e estilizadas, maioritariamente bidimensionais, jogos de sombra que criam planos de uma tridimensionalidade frágil e, por vezes, elementos mais robustos e corpóreos. Uma boa dose de pormenores curiosos e, não esquecendo, claro, o nome da cidade e do país em letras garrafais, qual postal para turistas.

Porto

Porto: Quiosque

Rui Ricardo trabalha, atualmente, como ilustrador em regime freelancer, uma paixão que lhe vem de muito jovem, tendo o seu primeiro trabalho publicado aos quinze anos e inúmeras colaborações com revistas e fanzines de banda-desenhada locais ao terminar o curso, na Faculdade de Belas-Artes do Porto. Desde então, trabalhou para publicações de renome como The Times, organizações como a Unicef e empresas como a Fnac e a Vodafone entre muitas outras. Por oito anos trabalhou como animador e motion designer para vários canais de televisão, anúncios e vídeo-clips, tendo feito parte da equipa que criou "Major Alvega", a única série de televisão portuguesa a ser nomeada para um Emmy.

Londres

Paris

Amsterdão

Ha Long Bay

Sahara

Tailândia

Chiang Mai

Conheça mais sobre o seu trabalho no seu portefólio online.


Inês Petiz

Inês Petiz é artista. E não poderia ser nenhuma outra coisa..
Saiba como escrever na obvious.
version 2/s/Ilustração// @destaque, @obvious //Inês Petiz