universo de cá

Universo de cá, de lá, de todo e qualquer lugar.

Carla Ruiz

Em uma pedra,
corpo jogado,
me guio pelas estrelas.

Cultura e espiritualidade da Ethiopia nas lentes de Joey L.

O fotógrafo canadense Joey L. realizou algumas séries de fotos mostrando a realidade cultural e espiritual de várias regiões da Ethiopia.


joey l ethiopia13.1.jpg

Diversas impressões, mitos e verdades nos são transmitidos a respeito da Ethiopia. Este trabalho mostra que o dia-a-dia de seus habitantes está marcado por assuntos políticos, um senso de espiritualidade e uma inegável proximidade do mundo animal.

Cada série é composta por muitas fotos, e realmente é difícil escolher as melhores. Aqui, selecionei algumas e as coloco com as determinadas descrições, porém indico a visita ao site de Joey. (http://www.joeyl.com)

Também há outra série de fotos com os Homens sábios de Varanasi, Índia que vale uma nova postagem.

joey l ethiopia.jpg

Tribo Daasanach, Baixa Omo Valley, Ethiopia (Ongoing series 2008 - 2013)

joey l ethiopia2.jpg

Hamar é uma tribo agro-pastoral que vive entre as diversas etnias que ocupam a Baixa Omo Valley. Eles possuem um complexo sistema de crença com profundas raízes anímicas. As mulheres são conhecidas por colocar a bela argila vermelha do rio em seus cabelos e pele.

joey l ethiopia3.jpg

Em Labaltoy, a escola contrasta entre o moderno e o antigo. Os estudantes também usam roupas tradicionais de Hamar no contexto contemporâneo. Suas primeiras lições incluem Amharic, idioma nacional da Ethiopia, seguido de inglês.

joey l ethiopia4.jpg

Retrato de Guti Kuli

joey l ethiopia5.jpg

Pescador checa o resultado do trabalho do dia. Tribo Dassanach. (Ongoing series 2008-2013)

joey l ethiopia6.jpg

Rio Kibbish, território da tribo Suri, Baixa Omo Valley, Ethiopia (Ongoing series 2008 - 2013)

joey l ethiopia8.jpg

É uma tradição Suri escolher o nome do recém-nascido baseado no primeiro desejo em seu nascimento. Depois de um parto complicado, Nachulta foi o nome escolhido, que significa "sobrevivente". Tribo Suri, Baixa Omo Valley, Ethiopia (Ongoing series 2008 - 2013)

joey l ethiopia9.jpg

Tribo Karo, Baixa Omo Valley, Ethiopia (Ongoing series 2008 - 2013)

joey l ethiopia10.jpg

Uma mulher da Tribo Bodi ficou doente e morreu. As mulheres mais velhas da vila clamaram aos espíritos e cantaram para que sua passagem fosse feita em paz. Os homens participam de uma cerimônia que resguarda seus corpos da doença por três meses. Tribo Bodi Me’en, Baixa Omo Valley, Ethiopia (Ongoing series 2008 - 2013)

joey l ethiopia11.jpg

As tradições orais e histórias sobre a craição da tribo são passadas para as crianças pelos mais velhos. Tribo Bodi Me’en, Baixa Omo Valley, Ethiopia (Ongoing series 2008 - 2013)

joey l ethiopia12.jpg

“Eu tenho meu próprio Deus.Eu caminho até minha árvore favorita, olho para o céu e rezo." Tribo Bodi Me’en, Baixa Omo Valley, Ethiopia (Ongoing series 2008 - 2013)

joey l ethiopia16.jpg

“Nossos carneiros têm muito valor para nós. Eles nos fornecem roupa e comida." Tribo Bodi Me’en, Baixa Omo Valley, Ethiopia (Ongoing series 2008 - 2013)

joey l ethiopia13.jpg

Integrante da Tribo Arbore, que mescla monoteísmo com a tradição. Tribo Arbore - Baixa Omo Valley, Ethiopia (Ongoing series 2008 - 2013)

joey l ethiopia15.jpg

Os acessórios de cabeça são feitos de ossos de animal e couro de vaca, além de acessório, é usado como proteção contra inimigos vizinhos. Tribo Mursi - Baixa Omo Valley, Ethiopia (Ongoing series 2008 - 2013)

joey l ethiopia17.jpg

Tribo Mursi, Baixa Omo Valley, Ethiopia (Ongoing series 2008 - 2013)

joey l ethiopia18.jpg

Os discos nos lábios são símbolo de beleza e status para eles. Mursi Tribe, Lower Omo Valley, Ethiopia (Ongoing series 2008 - 2013)

joey l ethiopia19.jpg

Garoto Mursi.

joey l ethiopia20.jpg

Daasanach Tribe, Lower Omo Valley, Ethiopia (Ongoing series 2008 - 2013)

joey l ethiopia21.jpg

Daasanach Tribe, Lower Omo Valley, Ethiopia (Ongoing series 2008 - 2013)

joey l ethiopia22.jpg

Hamer Tribe, Lower Omo Valley, Ethiopia (Ongoing series 2008 - 2013)


Carla Ruiz

Em uma pedra, corpo jogado, me guio pelas estrelas. .
Saiba como escrever na obvious.
version 2/s/fotografia// @destaque, @hplounge, @hp, @obvious, @obvioushp, @obvious_escolha_editor //Carla Ruiz