venturarte

O espaço da arte jogada ao acaso

Camila Agner

Camila, do Sul do Brasil, estudante de Direito e Jornalismo. Apaixonada pela arte e encarregada de uma missão: espalhá-la aos 4 cantos do mundo através da escrita.

Música na pele - o projeto que dá voz ao corpo


Música, fotografia e criatividade são os elementos principais do projeto fotográfico chamado “Música na Pele”, que foi idealizado pelo londrinense Luiz Augusto Rodrigues. Já ouviu a máxima “o corpo fala”? Pois então… aqui o corpo não só fala, como também canta! Se antes era tudo baseado na fotografia e divulgação pela internet, hoje o projeto tomou corpo e está compactado num livro chamado “Música na pele – Projeto livro de Cabeceira”. Numa espécie de entrevista informal com Luiz, tivemos acesso às principais informações acerca do projeto fotográfico e também do livro.

525939_521367391215723_1222939893_n.jpg

De acordo com o idealizador, o projeto “música na pele” foi uma forma que ele achou para ajudar as pessoas a expressarem sentimentos e contarem histórias depois de um dia cheio. “É muito fácil o artista se expressar. Queria trazer às pessoas de todos os tipos e profissões essa facilidade. Daí foi simples: foi unir a minha paixão pela música e o meu amor pela fotografia.” Ao questioná-lo sobre como surgiu a ideia do projeto (tanto o fotográfico como o de reunir tudo em um livro), Luiz foi sucinto: “A ideia visual surgiu ao fazer a barba, quando vi uma tatuagem que tenho no braço ‘there will be an answer… Let it be’ e em seguida olhei minha palma da mão. Essa é a foto que iniciou o projeto: um auto-retrato!”

484843_543723522313443_497106140_n.jpg

Sobre o livro, Luiz disse que a ideia partiu de uma coisa simples: na cabeça dele, seriam mais ou menos 20 fotos e todas ficariam num álbum pessoal do Facebook, mas quando ele viu, a “coisa” havia crescido. Ele disse que o livro acabou sendo uma forma de devolução… seria um jeito dele devolver às pessoas o carinho que elas têm pelo projeto. Por contar com o retrato de várias personas, a itinerância do projeto acaba sendo uma possibilidade. Luiz já foi a várias cidades como Maringá e Cascavel. Voltando ao Livro de Cabeceira, Luiz contou que consistirá em 101 fotos +1. São retratos que ele tirou em sessões pelo país, sendo que há a participação de alguns músicos famosos tais como Lobão, Zeca Baleiro, Duca Leindecker , Humberto Gessinger e outros. “Esse lance da foto +1 é o seguinte: como são mais de 500 fotos no álbum e o livro só tem 84 páginas, eu bolei um jeito de incluir até quem não participou. A primeira foto do livro é um espaço escrito ‘cole aqui a sua foto’”, contou Luiz.

humberto.jpg

O livro ainda está na fase da pré venda. Em 4 dias, 20% do estoque foi vendido. O responsável pelo projeto contou que não possui assessoria, patrocínio, editora, nem ninguém que ajude a manter a página do facebook, portanto ele considera que cada cópia vendida é uma verdade vitória. Ao ser questionado a respeito das expectativas que ele possui acerca do livro, Rodrigues disse “A expectativa é que alguém se interesse em publicar o livro em grande escala, pois eu estou fazendo somente 500 cópias (que serão numeradas a mão!)” O Venturarte, que possui uma curiosidade quase que incessante, perguntou se há algum outro projeto em mente ou se o objetivo é continuar investindo no “Música na Pele”. O idealizador do projeto, Luiz Augusto Rodrigues, respondeu orgulhoso: “Outros projetos já estão em fase de criação, mas o música na pele não acabará nunca! (Promessa!)” Conheça algumas fotos do projeto “Música na Pele”, que estarão presentes no Livro de Cabeceira.

182171_460192247333238_801912645_n.jpg

374543_562453973773731_1654713156_n.jpg

380760_457000814319048_1007584483_n.jpg

399534_458699910815805_83208524_n.jpg

Mais fotos você encontra na página do projeto (onde você pode adquirir, também, o livro de cabeceira).

Espero que tenham gostado desse post de "estréia" do Venturarte no Lounge da Obvious. Acompanhe as novidades que estão por vir :)


Camila Agner

Camila, do Sul do Brasil, estudante de Direito e Jornalismo. Apaixonada pela arte e encarregada de uma missão: espalhá-la aos 4 cantos do mundo através da escrita. .
Saiba como escrever na obvious.
version 1/s/musica// @destaque, @obvious //Camila Agner